/velocidade/wtcr/wtcr-tiago-monteiro-as-coisas-foram-piorando-corrida-apos-corrida/
WTCR, Tiago Monteiro: “as coisas foram piorando corrida após corrida” | AutoSport

WTCR, Tiago Monteiro: “as coisas foram piorando corrida após corrida”

Por a 28 Novembro 2022 11:00

Chegou ao fim da Taça do Mundo de Carros de Turismo da FIA (WTCR) e depois de um ano complicado, a jornada deste fim-de-semana em Jidá, na Arábia Saudita, foi um pouco reflexo disso mesmo apesar de Tiago Monteiro ter conseguido na última corrida um resultado no top 10 com o nono posto.

O fim-de-semana começou com problemas no Honda Civic Type R que limitaram a prestação do piloto português na qualificação: “Desde a última corrida que estava a sentir vibrações no carro e aqui em Jeddah tudo se agravou. Logo a qualificação foi para esquecer. Restava a esperança de fazer duas boas corridas para terminar o ano com o sentimento de dever cumprido. E dei o meu melhor com o material que tinha à disposição e a satisfação do dia de hoje foi mesmo o top 10. Um resultado difícil de conseguir esta época”, começou por explicar.

“Confesso que me sinto aliviado por ter terminado a época. É frustrante competir a este nível e não poder andar na frente. Não começámos bem e as coisas foram piorando corrida após corrida. Não estava habituado a estes resultados, mas acaba por ser fruto da falta de testes e de evoluções no carro. Num campeonato onde a competitividade está nos limites é fundamental evoluir a cada corrida. E nós estivemos estagnados, infelizmente. Apesar de tudo aprendi bastante e agora é esperar para ver o que o próximo ano nos reserva”, continuou.

Tiago não quis terminar a época sem uma palavra de apreço para os mecânicos e engenheiro: “Tentaram tudo o que estava ao seu alcance para fazer melhor, mesmo que não tivessem as melhores condições. E isso é de enaltecer. A todos eles, o meu obrigado”, concluiu.

Tiago Monteiro conclui, assim, aquele que foi, provavelmente o ano mais complicado da sua carreira e parte agora para a pausa de inverno com ambição redobrada e vontade de voltar ao mais alto nível.

Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Infelizmente o Autosport não pode continuar a disponibilizar os seus artigos gratuitamente.
Já não é viável ter uma equipa de jornalistas profissionais sem que possamos vender o produto do nosso trabalho.
Tal como os jornais e revistas são pagos, também os conteúdos editoriais digitais terão que ser pagos.
Por favor subscreva o Autosport Exclusivo e ajude-nos a manter esta máquina em andamento!
São apenas 2€ por mês, subscreva agora AQUI
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Infelizmente o Autosport não pode continuar a disponibilizar os seus artigos gratuitamente.
Já não é viável ter uma equipa de jornalistas profissionais sem que possamos vender o produto do nosso trabalho.
Tal como os jornais e revistas são pagos, também os conteúdos editoriais digitais terão que ser pagos.
Por favor subscreva o Autosport Exclusivo e ajude-nos a manter esta máquina em andamento!
São apenas 2€ por mês, subscreva agora AQUI
últimas VELOCIDADE
últimas Autosport
velocidade
últimas Automais
velocidade