Dakar 2020: Capítulo 3 é na Arábia Saudita

Por a 31 Dezembro 2019 10:12

Depois de três décadas em África, e mais uma na América do Sul, o Dakar ruma agora para o seu terceiro capítulo, na Arábia Saudita. Toyota e Mini voltam à luta pelo triunfo; Fernando Alonso estreia-se, mas, salvo alguma grande surpresa, a vitória não deverá fugir a um dos pilotos do trio Nasser Al-Attiyah (Toyota), Stéphane Peterhansel (Mini) e Carlos Sainz (Mini), com Giniel de Villiers (Toyota) muito à espreita

Depois de ter sido originalmente pensado como uma corrida de endurance que ligava Paris e Dakar, a prova que saiu do sonho de Thierry Sabine evoluiu para um dos maiores desafios ‘motorizados’ do mundo, quer seja em termos mecânicos, físicos ou mentais. Inicialmente na remota África e a partir de 2009 na América do Sul, desta feita os concorrentes rumam ao terceiro grande capítulo da história do Dakar, na Arábia saudita, o maior país árabe na Ásia e na Península Arábica.

Várias centenas de concorrentes dos quatro cantos do planeta convergem para a grande maratona que se realiza em duas semanas e a Arábia Saudita será o 30º país diferente a receber o evento. Depois de três décadas em África e 11 anos na América do Sul, o Dakar deverá agora manter-se pelo menos cinco anos na Arábia Saudita.
A vastidão do deserto saudita espera os melhores pilotos de TT do mundo, num evento em que a velocidade, mas essencialmente a navegação terão uma enorme importância no escalonamento da prova. Os concorrentes irão deparar-se com dunas de 250 metros, num percurso que terá cerca de 7.500 km, dos quais 5.000 contra o relógio. Desta
forma, este será o mais longo Dakar, em termos de percurso cronometrado, em 10 anos.

Para concorrentes e equipas o percurso é uma folha em branco, sendo que podem contar com etapas mais longas do que sucedeu nos últimos 11 anos na América do Sul. Portanto, este é um desafio totalmente novo para os concorrentes, que não sabem muito bem o que esperar, ainda que as equipas oficiais tenham vindo a participar em provas locais desde há alguns meses para cá. Pelo menos, os cheiros e as cores, já conhecem. No fundo, uma nova aventura para todos. 350 concorrentes vão alinhar-se em Jeddah para a partida, assim divididos: 170 Motos, 133 autos e SSV e 47 Camiões.

A restante apresentação da prova pode encontrá-la em artigos diversos na secção Todo o terreno.

Percurso favorece Mini, Toyota… ou equilibra – CLIQUE AQUI

Toyota ou Mini – CLIQUE AQUI

Dakar 2020: Os Outsiders – CLIQUE AQUI

Dakar 2020: Haverá alguém mais Kamaz?

Dakar 2020: Alterações nas regras

Dakar 2020, SSV: Jovem e promissora categoria

Dakar 2020, Quads: Europeus ou sul-americanos?

Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
últimas DAKAR
últimas Autosport
dakar
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x