/formula1/f1/gp-emilia-romagna-f1-imola-george-russell-volta-atras-na-sua-opiniao/
GP Emilia Romagna F1/Imola: George Russell volta atrás na sua opinião | AutoSport

GP Emilia Romagna F1/Imola: George Russell volta atrás na sua opinião

Por a 19 Abril 2021 10:45

O incidente entre George Russell e Valtteri Bottas assustou os fãs e os pilotos, mas desde cedo se mostrou de difícil avaliação. George Russell estava compreensivelmente agastado logo após o acidente e “disparou” para todos os lados, mas com a cabeça mais fria voltou atrás.

O jovem britânico reviu as imagens e reconsiderou a opinião que tinha em relação ao sucedido:

“Quando se pode rever tudo em câmara lenta e de certos ângulos, tudo parece muito, muito diferente”, disse ele. “Um ângulo de câmara faz com que pareça uma forma e como eu disse, quando se vê as imagens da CCTV, parece bastante claro e com uma opinião diferente. Fiquei mais frustrado por causa da velocidade do incidente. Eu nunca, nunca tive um acidente no final de uma recta quando estamos a fundo, e todos vimos os perigos do desporto automóvel muito recentemente e, para ser honesto, eu teria reagido exatamente da mesma forma se estivesse a lutar pela vitória, pelo nono ou pelo último. Porque eu pensei que era desnecessário e que era evitável.”

“Como disse, Valtteri não fez nada que estivesse fora das regras, mas é preciso ter um elemento de responsabilidade e consideração pelas condições. Há um risco elevado de um incidente com pista húmida e é por isso que fiquei muito desapontado porque pensei que tinha sido uma falta de respeito não para comigo, mas para com estes carros.”

“Poderia ter sido evitado? Sim. Será que Valtteri estava errado? Provavelmente não”, acrescentou o britânico. “Poderia ele ter feito algo um pouco mais? Talvez. Estava eu errado? Causei o acidente ao fazer pião, mas será que errei ao tentar a ultrapassagem? Não. Teria sido insensato levantar o pé nessa posição”.

“Foi lamentável, o incidente não teria acontecido se não estivesse húmido e se o DRS estivesse fechado. Foi apenas um conjunto infeliz de circunstâncias”.

Subscribe
Notify of
19 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
91730
91730
22 dias atrás

Incidente de corrida e encerra-se a questão. O ponto mais importante é para mim o GR com um Williams…estar a tentar ultrapassar o VB ??? Toto, já chega, não? Dá a chaves do carro ao miúdo!!!

manuel moita
manuel moita
Reply to  91730
22 dias atrás

Errado o miudo e burro e nunca vai mudar e Ingles um defeito pois teem o rei na barriga nunca devia de ter ido fazer o que fez se fosse um Certo Frances que ia morrendo queimado levava 5 pontos negativos na Super licença este infelizmente nao vai dar grande coisa nao tem consistencia so rapidez ele que aprenda com o Hamilton fez um erro normal naquelas circunstancias e teve o raciocinio para resolver o problema com paciencia para nao ficar atascado

Pity
Pity
Reply to  manuel moita
22 dias atrás

Não compare a experiência do Hamilton com a do Russell.

91730
91730
Reply to  manuel moita
22 dias atrás

Eu como não percebo nada de futurologia, não sei se vai mudar ou não ou se mesmo se vai dar grande coisa. Falo só do que vejo e vi, aviou o Bottas com carros iguais, e estava a tentar ultrapassá-lo ao volante de um carro muito inferior!

F1 Forever
F1 Forever
Reply to  91730
22 dias atrás

O Max fez uma ultrapassagem do tipo na “recta” do Mónaco e embateu na curva, mas como não tem muitos amigos (não é inglês) foi logo cruxificado. Eu sei do que falo porque vejo a F1 com comentários em inglês e leio os sites da especialidade que são todos ingleses, têm sempre uma condescendência pelos deles, mas esquecem-se que o público alvo deles não é apenas o Reino Unido, mas o mundo todo.

91730
91730
Reply to  F1 Forever
22 dias atrás

Eu também vejo a F1 e os sites em inglês, por isso repito:Falo só do que vejo e vi, aviou o Bottas com carros iguais, e estava a tentar ultrapassá-lo ao volante de um carro muito inferior!

no-team
no-team
22 dias atrás

O Russell insiste neste monólogo um pouco infantil, começa a ser penoso. Reagiu mal logo após o acidente e continua a defender-se de um ataque que nunca lhe foi feito. O acidente aconteceu, agora é altura de fazer uma coisa muito simples. Pedir desculpa e seguir em frente.

nact
nact
22 dias atrás

O Russel está errado, muito errado. Ultrapassagem com rodas pela relva já não são novidade, mas relva e linhas brancas molhadas até num carro normal têm zero aderencia, pelo que o menino mimado devia também saber isso, mesmo que estivesse a ser mais rapido que o Botas. Por ultimo, merece uma sanção por ainda ir bater num piloto que estava dentro do carro, claramente combalido pelo acidente. Egoísmo ao mais alto nível

91730
91730
Reply to  NACT
22 dias atrás

Acha que GR não sabe que rodas em cima de relva molhada não têm aderência? A sério? Ele foi para lá para fugir do VB…Incidente de corrida. Sobre o que diz de GR “bater” no VB veja bem que mesmo combalido o Finlandês conseguiu fazer-lhe um pirete e só DEPOIS o GR lhe deu uma palmadinha no capacete, agora chamar isso bater….

nact
nact
Reply to  91730
22 dias atrás

A sua televisão deve ter dado outra corrida

91730
91730
Reply to  NACT
22 dias atrás

Pelos vistos sim…mas veja as repetições no youtube, nunca se sabe pode ser que veja algo que não tenha visto na sua televisão…

nact
nact
Reply to  91730
22 dias atrás

Segundo o Autosport, “Toto Wolff apontou o dedo a George Russell no final da corrida em Ímola, afirmando que o jovem piloto tem ainda muito que aprender”. Talvez a não andar de F1 em relva molhada ou não tentar o buraco da agulha como se estivesse para acabar já o mundo ou que ainda havia mais voltas, etc. Portanto, recomendo uma televisão nova

91730
91730
Reply to  NACT
22 dias atrás

Pois, ainda bem que o Toto não mandou o GR atirar-se de uma ponte… Tem muita credibilidade uma pessoa que diz: Significava correr riscos e o outro carro à sua frente era um Mercedes.” Se o GR tivesse batido com um Red Bull? Que teria dito o Toto? Teria o GR outra hipotese de passar o VB? É que nos ultimos anos têm sido tantas mas tantas… Pelos vistos o Toto também advinha o futuro…Portanto recomendo a pensar pela sua cabeça e não apenas o que o Toto disse “a quente”

@00@
22 dias atrás

Estranhamente não consigo concordar. A imaturidade do George Russell é igualmente proporcional à sua insatisfação. Um piloto que está na sua terceira época com o pior carro destas duas últimas temporadas, e que quando lhe surgem as oportunidades tem sido sempre bafejado pela pouca sorte, e que acima de tudo acredita que é muito superior ao Valteri Bottas, deve ser muito frustrante. Aquando da possibilidade de correr com o Mercedes, foi o que foi… por culpa apenas alheia (Mercedes diga-se em abono da verdade), e sempre que está próximo de entrar nos pontos com o Williams, é o que é…… Ler mais »

Pity
Pity
22 dias atrás

O Russell tem de se acalmar. Alguém lhe ensine que “mais vale um pássaro na mão, que dois a voar”. Ele tinha esse pássaro (10º lugar) confortavelmente na mão, podia ter esperado um ponto mais favorável (mais seco) para a ultrapassagem, apesar de Imola não ser um circuito com muitos pontos de ultrapassagem. A continuar a ser impaciente, só se prejudica.

MiguelCosta
MiguelCosta
22 dias atrás

Fazendo minhas as palavras do Senna, em que um piloto se vê uma abertura e não tenta a ultrapassagem deixa de ser um piloto de corridas, portanto não concordo com a questão de que o Russell deveria ter sido mais prudente, acho que a culpa se reparte no acidente, mas usando as palavras de outro forista, o que mais saltou à vista foi um Mercedes a ser ultrapassado por um Williams. Mas se formos a ver estamos perante talvez os dois pilotos mais sobre brasas do pelotão actual (tirando o Nikita “Take a Spin” por razões óbvias), o Russell completamente… Ler mais »

Osmane
Osmane
22 dias atrás

Ninguém errou!!! Incidente de corrida!!!

Patucho10
Patucho10
22 dias atrás

Bom este mudar de opinião, é mais o telefonema do Toto Wolff, porque vejamos bem , se ele entende agora que errou porque não assumir e pedir desculpas á equipa pelo seu erro e ao Bottas pelo exagero do seu comportamento após o acidente, mas não o fez, apenas diz que “Foi lamentável, o incidente não teria acontecido se não estivesse húmido e se o DRS estivesse fechado. Foi apenas um conjunto infeliz de circunstâncias” este rapaz precisa é de ser mais Humilde e posso dar exemplo do Lando e do Leclerc que quando erram no passado pediram desculpas pelos… Ler mais »

JP INAU
JP INAU
21 dias atrás

Concordo com tudo, mas sempre questionei o DRS, por falsear o espectáculo, e também por segurança. Há 50 anos atrás as asas móveis foram proíbidas por questões de segurança, e 20 anos depois, também as saias móveis. Para mim, o DRS é um mal desnecessário.

últimas F1
últimas Autosport
f1
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x