F1: Dupla de pilotos da Haas com novos desafios

Por a 7 Fevereiro 2019 19:35

Romain Grosjean e Kevin Magnussen serão novamente os pilotos da Haas para 2019.O francês vai para a quarta época com a equipa, estando presente desde o início e Kevin Magnussen vai para a sua terceira época.

Grosjean tem 61 GP pela equipa, com 94 pontos marcados, e o melhor resultado da Haas é seu, com um quarto lugar na Áustria em 2018. Tem 143 GP feitos (nove épocas) e dez pódios em seu nome.

O piloto francês foi até 2018 o piloto mais da equipa, aquele que garantiu os melhores resultados e que tem guiado a Haas. No entanto 2018 foi um ano difícil para o francês. Começou da pior forma com desistências e erros de palmatória, que o deixaram numa posição muito delicada, colocando em risco até o seu futuro na F1. Mas mais uma vez Grosjean foi capaz de dar a volta a um momento negativo e a segunda metade da época foi claramente mais positiva, com bons resultados e boas prestações. Não é um dos maiores talentos do grid, mas tem certamente a qualidade e a mentalidade certa para ser uma peça importante na equipa, nesta fase.

Kevin Magnussen teve em 2018 a melhor época na F1. O piloto dinamarquês sempre mostrou talento atrás do volante, mas não teve a estabilidade suficiente para o mostrar, nem na McLaren, nem na Renault. Na Haas encontrou um porto de abrigo e na primeira vez que ficou duas épocas consecutivas na mesma equipa, o seu rendimento subiu. Até meio da época foi claramente o melhor piloto da Haas, caindo de produção na segunda metade. Esteve na luta pelo título virtual de melhor piloto do “Campeonato B”, mas ficou-se pela nona posição, atrás de Hulkenberg e Perez. Voltou a mostrar uma faceta demasiado agressiva, de tudo ou nada, na defesa da sua posição. Isso valeu-lhe alguns comentários menos elogiosos por parte dos adversários. Tem no seu CV 81 GP, um pódio, em cinco épocas. Este ano terá de mostrar a mesma qualidade do início de 2018, mas durante toda a época. Já provou que tem qualidade para estar na F1, e tem uma postura em pista que pode apimentar as corridas mas tem de ser mais regular e não sofrer tantas flutuações de forma.

No geral é uma dupla equilibrada, com qualidade e com o potencial certo para as pretensões da equipa. Não é uma dupla que exija demasiado esforço financeiro, tem capacidade para andar constantemente nos pontos, assim o carro o permita e tem aquele extra que pode dar um pódio surpresa, caso a corrida assim o permita. Uma boa dupla, para uma equipa que tem crescido de forma rápida e que terá este ano mais um teste para provar a sua capacidade.

5
Deixe um comentário

Please Login to comment
  Subscribe  
Notify of
*RPMS*
Membro
*RPMS*

A pior dupla de pilotos do actual plantel. Cumprimentos

Cágado1
Membro
Cágado1

Opiniõoes cada um tem a sua. Felizmente os factos sobrepõem-se.

*RPMS*
Membro
*RPMS*

Quais são os factos de que fala? Cumprimentos

sr-dr-hhister
Membro
sr-dr-hhister

O desafio desses dois é saírem da F1 sem matar ninguém.

chic-anal-ysis
Membro
chic-anal-ysis

haas holes

últimas F1
últimas Autosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/motosport.png