F1, Carlos Sainz: “Testar um carro de 2018 poderá ser uma opção”

Por a 26 Novembro 2020 17:30

Carlos Sainz poderá testar com um monolugar da Ferrari de 2018, para se ambientar à sua nova equipa.

Com apenas três dias de testes oficiais, Carlos Sainz poderá propor à Scuderia que teste com um monolugar de 2018 para permitir uma mais rápida adaptação à sua nova realidade.

As restrições aos testes da F1 implica que não é possível usar um carro atual ou de 2019, a não ser no teste oficial, o que limita o tempo de ambientação para pilotos como Sainz que irão trocar de equipa No entanto, as equipas são livres de usarem o quanto quiserem com os carros de 2018, que ainda se baseiam nos mesmos regulamentos aerodinâmicos.

“Veremos”, disse Sainz. “Depois de deixar a McLaren, haverá muito planeamento nos bastidores para garantir que eu chegue ao teste e à primeira corrida o mais preparado possível. Obviamente que testar um carro de 2018 pode ser uma opção, mas continuo comprometido com a McLaren e não quero distrair-me muito com o que o janeiro, fevereiro e março podem trazer.”

“Posso dizer que um dia e meio num carro de F1 não é suficiente para preparar uma temporada de F1”, explicou. “Não conheço os truques do carro, ou do volante, embora possa fazer muito simulador. É preciso conhecer a equipa, então um dia e meio é muito, muito pouco e provavelmente não o suficiente. Mas é o que é. Teremos de nos adaptar e teremos de encontrar uma forma de nos certificarmos de que estamos tão preparados quanto possível dentro dos limites dos regulamentos.”

Subscribe
Notify of
1 Comentário
Inline Feedbacks
View all comments
Frenando_Afondo™
Frenando_Afondo™
1 mês atrás

Sim, é melhor testar no de 2018, porque se for no 2020 vai ter uma grande desilusão…

últimas F1
últimas Autosport
f1
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x