Gary Paffett explica dificuldades da Mercedes no DTM

Por a 28 Maio 2014 11:26

O início de época da Mercedes no DTM não está a ser fácil, com os seus C-Coupé a não se revelarem suficientemente competitivos em condições normais. Na ronda de Oschersleben, o construtor conseguiu um triunfo com Christian Vietoris e um quarto lugar com Paul di Resta, mas em condições difíceis com a pista molhada e muita chuva à mistura.

Gary Paffett, um dos pilotos da Mercedes no DTM, revelou agora que o equilíbrio do carro não está em condições ideais como no ano passado, explicando que “estamos a lutar contra vários problemas de equilíbrio do carro, e é muito difícil de pilotar. Penso que isto é parte do problema – a outra metade é falta de desempenho provavelmente muito devido à falta de força aerodinâmica”. Em declarações exclusivas ao site ‘TouringCarTimes’, o britânico rematou que em Hungaroring a Mercedes não deverá estar melhor nem pior do que em Oschersleben, mas admitiu que “esperamos poder começar a progredir rumo aos lugares da frente”.

últimas Pistas
últimas Autosport