/ralis/wrc/wrc-rali-de-portugal-pe3-gois-sete-pilotos-em-0-7s-elfyn-evans-mantem-lideranca/
WRC, Rali de Portugal, PE3 (Góis): Sete pilotos em 0.7s, Elfyn Evans mantém liderança | AutoSport

WRC, Rali de Portugal, PE3 (Góis): Sete pilotos em 0.7s, Elfyn Evans mantém liderança

Por a 20 Maio 2022 10:29

Num troço bem diferente da Lousã, Góis 1, com os seus 19,33km, globalmente muito rápidos, depois de uma zona inicial estreita e sinuosa, levou os concorrentes a não terminar com diferenças muito grandes entre eles, com algumas exceções explicáveis. Nove pilotos separados por 5.1s é incrível, sete a caber em 0.7s ainda mais.
Elfyn Evans/Scott Martin (Toyota GR Yaris Rally1) venceram mais um troço e estenderam por isso a sua margem para os segundos classificados, que são agora Ott Tänak/Martin Järveoja (Hyundai I20 N Rally1) Ott Tanak, que foram segundos a 0.1s de Evans: “Foi realmente poeirento e não estou contente com o equilíbrio, foi bastante complicado conduzir. Mas fizemos o nosso melhor, mas não foi totalmente agradável”.
Sébastien Ogier/Benjamin Veillas (Toyota Gr Yaris Rally1) subiram ao terceiro lugar da geral, e estão agora a 8.2s da frente: “Está tudo bem, mas não consigo andar mais depressa”
Takamoto Katsuta/Aaron Johnston (Toyota Gr Yaris Rally1) são quintos, subindo também uma posição: “Estão todos um pouco perto uns dos outros esta manhã. A sensação é boa, mas no cimo da montanha não tinha muita potência. Foi um pouco estranho, mas está tudo bem”.
Kalle Rovanperä/Jonne Halttunen (Toyota Gr Yaris Rally1) já começam a recuperar um pouco, num troço em que o que perderam foi insignificante: “Parece bastante duro para os pneus. Não sei, parece que já estão bastante em baixo. Talvez um pneu duro tivesse sido bom para este troço, mas veremos como os outros se saem”.
Sébastien Loeb/Isabelle Galmicheb(Ford Puma Rally1) são agora sétimos, apesar duma porta mal fechada ter feito com que entrasse muito pó no cockpit! “Não fui capaz de fechar a porta no início, por isso estava meio aberta. Temos muito pó dentro do carro”.
Thierry Neuville/Martijn Wydaeghe (Hyundai I20 N Rally1) caíram de quarto para o sexto lugar: “O pó é manejável e não perdemos muito. As condições foram mais difíceis do que eu esperava, mas vamos continuar. A limpeza é tanta que um pneu macio era a única escolha”.
Gus Greensmith/Jonas Andersson (Ford Puma Rally1) subiram a segundo na Lousão, mas em Góis caíram para o 10º lugar, devido a problemas com a visibilidade dentro do carro: “O carro está cheio de pó e não consigo ver nada. Eu avisei disto ontem”. Num troço com margens curtas, Pierre-Louis Loubet/vincent Landais (Ford Puma Rally1) falharam um cruzamento logo no início e com isso caíram várias posições.
Craig Breen/Paul Nagle (Ford Puma Rally1) Craig Breen, muito pó dentro da máquina Puma do irlandês! “Não tenho ideia de onde vem. Cada vez que dou a volta por um canto direito, está a crescer em algum lugar perto da traseira. Não consegui ver nada”.
Com três pneus duros e um macio em Góis, Dani Sordo/Candido Carrera (Hyundai I20 N Rally1) foram sextos e estão agora em nono da geral. Um começo fraco para a dupla espanhola.
Adrien Fourmaux/Alexandre Coria (Ford Puma Rally1) são 12º da geral a 26.0s da frente.

Tempos Online – CLIQUE AQUI

Intervalos de quatro minutos entre cada equipa Rally1, devido ao pó na classificativa.

Elfyn Evans volta a vencer e reforça a liderança na geral. Os pilotos da M-Sport Ford queixam-se de pó no interior dos Puma Rally1.

Teemu Suninen comanda o WRC2 após a classificativa anterior (PE2 – Lousã 1), com 3,4s de vantagem sobre Andreas Mikkelsen.

Carro #69. ROVANPERÄ / HALTTUNEN

“Muito duro para os pneus. Não sei, mas parece-me que já estão bastante desgastados. Talvez tivesse sido melhor usar um pneu duro nesta especial, mas vamos ver o que fazem os outros.”

Carro #11. NEUVILLE / WYDAEGHE

“O pó não foi o maior problema, penso que não perdemos muito tempo com isso. As condições eram mais duras do que eu esperava, mas vamos continuar a andar rápido. O piso está a ficar tão limpo que o pneu macio era a única opção.”

Carro #42. BREEN / NAGLE

“Não faço ideia de onde vem o pó! Nas curvas para a direita, o pó é soprado para dentro do carro junto à traseira. Não conseguia ver nada!”

Carro #19. LOEB / GALMICHE

“Não consegui fechar bem a porta no início, por isso estava meio aberta. Tivemos muito pó dentro do carro.”

Carro #8. TÄNAK / JÄRVEOJA

“Muito pó e, de uma forma geral, não estou contente com a afinação do carro, era muito traiçoeiro de guiar. Demos o nosso melhor mas não foi propriamente divertido.”

Carro #44. GREENSMITH / ANDERSSON

“O carro estava cheio de pó e não consegui ver nada! Já o tinha dito ontem.”

Carro #18 TAKAMOTO / JOHNSTON

“O feeling é bom, mas nas zonas mais altas não tenho muita potência. Foi estranho.”

Carro #1. OGIER / VEILLAS

“Foi razoável, mas neste momento não conseguimos andar no máximo.”

Carro #33. EVANS / MARTIN

“Aqui normalmente é assim – na parte final o troço não ‘limpa’ da mesma forma e quem parte mais atrás não tem tanta vantagem.”

Carro #7. LOUBET / LANDAIS

“Falhei um gancho na partida. Tudo bem.”

Carro #16. FOURMAUX / CORIA

“Foi mesmo duro para os pneus. Tentei geri-los e desfrutrar da especial. Esse é o objetivo.”

Carro #6. SORDO/CARRERA

“Os meus pneus estavam a funcionar melhor neste troço. Não corri muitos riscos na parte inicial mas depois comecei a ‘brincar’ um pouco com o carro. Gostei desta especial e os tempos vão começar a aparecer.”


Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Infelizmente o Autosport não pode continuar a disponibilizar os seus artigos gratuitamente.
Já não é viável ter uma equipa de jornalistas profissionais sem que possamos vender o produto do nosso trabalho.
Tal como os jornais e revistas são pagos, também os conteúdos editoriais digitais terão que ser pagos.
Por favor subscreva o Autosport Exclusivo e ajude-nos a manter esta máquina em andamento!
São apenas 2€ por mês, subscreva agora AQUI
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Infelizmente o Autosport não pode continuar a disponibilizar os seus artigos gratuitamente.
Já não é viável ter uma equipa de jornalistas profissionais sem que possamos vender o produto do nosso trabalho.
Tal como os jornais e revistas são pagos, também os conteúdos editoriais digitais terão que ser pagos.
Por favor subscreva o Autosport Exclusivo e ajude-nos a manter esta máquina em andamento!
São apenas 2€ por mês, subscreva agora AQUI
últimas Ralis
últimas Autosport
ralis