/formula1/f1/formula-1-tracado-de-miami-sera-melhorado-em-certas-zonas-para-2023/
Fórmula 1: Traçado de Miami será “melhorado em certas zonas” para 2023 | AutoSport

Fórmula 1: Traçado de Miami será “melhorado em certas zonas” para 2023

Por a 21 Setembro 2022 18:18

O Grande Prémio de Miami estreou-se este ano no calendário da Fórmula 1, tendo sido apontado como um dos eventos mais esperados do ano, mas em termos desportivos as queixas dos pilotos em relação a algumas zonas do traçado do Autódromo Internacional de Miami marcaram o fim de semana.
Principalmente a zona das curvas 14 e 15, onde Esteban Ocon e Carlos Sainz tiveram os seus acidentes nos treinos. Esta é uma zona onde é impossível colocar dois carros lado a lado numa espécie de chicane com um ângulo extremamente apertado. Os promotores locais dizem que estiveram atentos ao feedback dado por pilotos, equipas e Fórmula 1, admitindo que o traçado sofrerá modificações em algumas zonas.
Tyler Epp, responsável máximo pelo GP de Miami, afirmou ao RacingNews365.com que “o circuito é a parte mais importante quando se organiza um Grande Prémio. Recebemos o feedback da F1, da FIA e dos pilotos e estamos a utilizar o seu contributo para melhorar o circuito em determinados locais. Neste momento, estamos a trabalhar com as diferentes partes para ver onde e o que podemos melhorar na pista”.
Este processo parece estar ainda numa fase inicial, mas “nos próximos meses saberemos exatamente o que precisa de ser feito e podemos começar a trabalhar nesse sentido”, acrescentou Epp.
O GP de Miami, como esperado, foi confirmado no calendário do próximo ano anunciado recentemente. Para 2023, a organização espera aumentar o número de espectadores no Autódromo – cerca de 250.000 este ano – e para isso contará com uma maior envolvência da população local, como pretendem atrair mais visitantes de fora dos Estados Unidos da América. Também em redor da pista, os promotores farão algumas alterações, com “mais lugares nas bancadas e faremos ainda mais uso do Hard Rock Stadium, de onde as pessoas podem assistir à corrida”, confirmou Tyler Epp.

Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Infelizmente o Autosport não pode continuar a disponibilizar os seus artigos gratuitamente.
Já não é viável ter uma equipa de jornalistas profissionais sem que possamos vender o produto do nosso trabalho.
Tal como os jornais e revistas são pagos, também os conteúdos editoriais digitais terão que ser pagos.
Por favor subscreva o Autosport Exclusivo e ajude-nos a manter esta máquina em andamento!
São apenas 2€ por mês, subscreva agora AQUI
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Infelizmente o Autosport não pode continuar a disponibilizar os seus artigos gratuitamente.
Já não é viável ter uma equipa de jornalistas profissionais sem que possamos vender o produto do nosso trabalho.
Tal como os jornais e revistas são pagos, também os conteúdos editoriais digitais terão que ser pagos.
Por favor subscreva o Autosport Exclusivo e ajude-nos a manter esta máquina em andamento!
São apenas 2€ por mês, subscreva agora AQUI
últimas F1
últimas Autosport
f1