F1: Max Verstappen nega que o GP da Áustria lhe tenha sido ‘oferecido’

Por a 17 Julho 2019 10:53

Max Verstappen negou as acusações de quem sugeria que a vitória do Red Bull Ring lhe tinha sido ‘oferecida’.

No GP da Áustria, Max Verstappen fez uma recuperação incrível e acabou por vencer, mas a ultrapassagem que o colocou na frente, ao líder até então, Charles Leclerc, fez estalar a polémica.

Essa ultrapassagem musculada fez correr muita tinta nos meios de comunicação social, e em alguns foi sugerido que essa vitória havia sido ‘entregue’ a Verstappen.

Pelos vistos, Max Verstappen não é consensual na Holanda. Apesar de entusiasmar a grande maioria dos holandeses, pelos vistos, Michael Bleekemolen, ex-piloto de F1 holandês sugeriu mesmo que a Mercedes tinha sido encorajada a deixar-se ficar para trás nesta corrida. “Cheira-me a qualquer coisa. Sim, viciação de resultados”, disse ao canal Ziggo Sport.
“Soube de fonte fiável que alguém perguntou à Mercedes se podiam perder”, rematou o Bleekemolen.

Verstappen respondeu à altura ao holandês. “Então ofereceram-me a vitória? Se [Michael Bleekemolen] pensa assim, penso que é muito estúpido”. A Mercedes também classificou as declarações do holandês de “completo absurdo”.

Na verdade, só damos eco desta questão, para destacar o facto que hoje em dia é muito fácil alguém proferir declarações perfeitamente inusitadas bastando para isso dizer que “cheira a qualquer coisa”. Isto, claro, só é alimentado pelo facto de nas redes sociais se multiplicarem os adeptos das teorias de conspiração. É o mais fácil de aceitar quando o ‘seu lado’ perde. Até aceitamos que aqui e ali, uma ou outra até podem ter algum fundo de verdade, mas esta é de bradar aos céus…

12
Deixe um comentário

Please Login to comment
  Subscribe  
Notify of
Honda Power
Membro
Honda Power

Uma resposta do Max á campeão… e tambem me parece que esse tal de Bleekemolen sabe escrever português e andou por aqui a postar.

RedDevil
Membro
RedDevil

Não acredito que tenha havido “oferta” mas… acredito que a Mercedes, por vezes, não tem muita vontade de ganhar para não desequilibrar demais a balança, o que, poderia dar muita força a uma “revolução” de regras…
A Mercedes (a postura do Wolf mostra isso) tem tido muito cuidado para apenas “dominar” a F1 sem “esmagar” a concorrência (e mesmo assim, ainda “esmaga”)…

PS – ninguém se esqueça que a actual Mercedes é “filha” de Ross Brawn, que por sua vez foi um dos “pais” do momento mais elevado da Scuderia no mundial de F1…

sir seb spins-a-lot
Membro
sir seb spins-a-lot

Por vezes fico com a mesma impressão da Mercedes.
Vamos ver como vão e virão das férias.

tnfsfcpgmail-com
Membro
tnfsfcpgmail-com

RedDevil isso não é totalmente descabido no entanto o problema começou antes, no início da era híbrida. Tenho poucas dúvidas, para não dizer nenhumas, de que a mercê foi de alguma forma beneficiada. Carro segundo os regulamentos ou regulamentos segundo o carro?
Pois…

Eu_não_sou_o_frenando_afondo
Membro
Eu_não_sou_o_frenando_afondo

Sim, ele só empurrou um piloto para fora quando este estava lado-a-lado com ele. Nah, perfeitamente normal…

…Até lhe fazerem o mesmo a ele e ficar sem a vitória e depois aí o discurso é capaz de ser bem diferente.

Honda Power
Membro
Honda Power

Se tivesses visto a ultima corrida, tinhas visto que o Leclerc fez exactamente o mesmo… e não vi ninguem a reclamar, aliás o Max até gostou dessa luta. E mesmo depois de ter sido arredado do podio pelo Vettel, depois do mormal desabafo… não voltou a falar do tema. Mas pronto, ainda há quem não durma por causa da Austria.

mi19021703
Membro
mi19021703

Em que parte do GP Inglês é que a frente do carro do Verstappen levantou do chão depois de o Leclerc lhe ter batido roda dianteira com roda dianteira?
É que sem isso não é exatamente o mesmo. Nem sequer lá perto.

Honda Power
Membro
Honda Power

https://youtu.be/fzEFSeTuavU

Sem palas é aos 0:28… com palas não deve de ser em lado nenhum. A diferença foi que o Max não manteve o carro na trajectoria e saiu de pista, se não sai o resultado era o mesmo.

RedDevil
Membro
RedDevil

não é a mesma coisa… nem lá perto… houve um “contacto”, sim, mas na Austria houve um “empurrão”…
Se o sr. tem dificuldade em perceber a diferença, faça o seguinte: coloque-se na beira de uma escada e peça a alguém para replicar um “contacto” e um “empurrão” nas suas costas… depois de executadas ambas… tire as suas conclusões…

Honda Power
Membro
Honda Power

Não foi a mesma coisa pela simples razão do Max ter evitado o contacto. Se eu me colocar á beira de uma escada e alguem me querer dar um”empurrão”, se eu me desviar no momento que ia ser “empurrado”, passa a ser um ” contacto”… que foi o que aconteceu nas duas corridas, na mesma situação, com resultados diferentes.

RedDevil
Membro
RedDevil

essa do “desviou-se” já é mera invenção/especulação… treta… leva a bicicleta…

fanmotores-ex-useras77931
Membro
fanmotores-ex-useras77931

“que lás ai, las ai…”. Sendo o negócio que hoje em dia é, o dos desportos motorizados, não sei se podemos alegremente entregar ao acaso, esta vitória do Red Bull na Áustria, em mais uma época de domínio insolente da Mercedes, como aquela vitória da Ferrari em Monza, no ano em que os mclaren do Prost e Sena, ganharam as outras provas todas, ou os brilharetes do Perez no México, ou a vitória há poucos dias do … em … (sacrilégio, o que eu ía dizer!!)

últimas F1
últimas Autosport