GP Grã-Bretanha F1: Ferrari otimista

Por a 2 Agosto 2020 10:43

Charles Leclerc está a deixar a Ferrari otimista. O monegasco qualificou-se na segunda fila, ao lado de Max Verstappen e não podia haver melhor dupla para “torrar a paciência” aos dois Mercedes. Vamos ver é se têm carro para isso.
A verdade é que a Ferrari não estava otimista quanto às suas hipóteses, antes de chegar a Silverstone, e pode ser prematuro pensar que podem pelo menos lutar pela vitória depois do que se viu na qualificação, mas a verdade é que Charles Leclerc assegurou a sua melhor posição na grelha da temporada com o quarto lugar.
A equipa fez uma abordagem radical à sua preparação, na sexta-feira de treinos livres, e mostrou um bom potencial de desempenho numa volta rápida, embora com isso tenha tornado o carro extremamente difícil de conduzir para a distância da corrida. Leclerc admitiu-o na 6ª feira:
“O equilíbrio foi extremamente difícil de conseguir. Muito, muito difícil não cometer um erro, por isso precisamos claramente de fazer algo sobre isso porque, caso contrário, fazer muitas voltas como esta (ndr, a que lhe deu o seu melhor tempo de hoje) em corrida com este equilíbrio será um enorme desafio”
Portanto, a Ferrari mexeu no carro para sábado, mas isso não impediu Leclerc de ter um bom desempenho, passando com o pneu de composto médio para o Q3, o que significa que ele vai arrancar para a corrida com aquele composto. Foi batido apenas por Verstappen na luta do “melhor dos outros” atrás da Mercedes, e por apenas 0.1s, numa temporada em que a Ferrari tem estado realmente a ‘lutar por algo melhor’, esta foi uma demonstração encorajadora, e a situação estratégica na grelha dá a Leclerc a melhor hipótese de capitalizar na corrida.

Subscribe
Notify of
11 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
RedDevil
RedDevil
3 dias atrás

O Leclerc está a dar “confiança” a mais, o carro não tem potencial para o 4° lugar do grid, acho que vai ser engolido pelos Mc e RP…

Essas abordagens “radicais” é a solução para quem já não sabe o que fazer… até pode correr bem num GP mas as desilusões serão sempre maiores que as alegrias…

Não percebo como é que os proprietários da Ferrari não “cortam a cabeça” da Scuderia… com essa “cabeça” não chegamos a lado nenhum…

831ABO
831ABO
3 dias atrás
Reply to  RedDevil

«Não percebo como é que os proprietários da Ferrari não “cortam a cabeça” da Scuderia…»
Porque as cabeças que precisam de ser cortadas estão agarradas aos pescoços desses mesmos proprietários.

RedDevil
RedDevil
3 dias atrás
Reply to  831AB0

Nem o Binotto, nem o Camilleri são proprietários da Ferrari.. podem ter acções mas serão resíduais…

sr-dr-hhister
sr-dr-hhister
3 dias atrás
Reply to  RedDevil

A Ferrari não tem cabeça!

RedDevil
RedDevil
3 dias atrás

Esse ponto de vista também é válido…

*RPMS*
*RPMS*
3 dias atrás
Reply to  RedDevil

Também concordo que este Ferrari não seja carro para estar em 4º lugar neste momento. Apenas o imenso talento de Leclerc é que ainda dá alguma esperança à Ferrari e os “ilude” ao mesmo tempo…

Cumprimentos

cjqcosta
cjqcosta
3 dias atrás

Pois…Pois… música e mais música…
Um carro e um piloto não se valorizam pelas qualificações.
Os pontos são atribuídos pelas corridas e posições alcançáveis. Neste caso a Ferrari não tem carro e performance para uma corrida inteira a um nível dos primeiros cinco, seis lugares de Topo e tenho dúvidas que o Leclerc vá ser o melhor da Ferrari no fim.

João Duarte
João Duarte
3 dias atrás
Reply to  Carlos

Que ódio….

831ABO
831ABO
3 dias atrás
Reply to  João Duarte

Ser realista não é odiar.

João Duarte
João Duarte
3 dias atrás
Reply to  831AB0

Que a Ferrari vai perder performance não há dúvidas. Mas isso não significa que o Leclerc vá ser o pior. Até porque é melhor piloto que os que partem imediatamente atrás. Sendo que também tem a estratégia “mais correta” do que os Mclaren e os Renault. Vamos ver.

sr-dr-hhister
sr-dr-hhister
3 dias atrás

Vai ser muito difícil levar o carro até ao fim com tal compromisso no setup. Incomodar os Mercedes nem pensar! Se Leclerc conseguir manter o quarto lugar tiro-lhe chapéu, será uma tarefa hercúlea.

últimas F1
últimas Autosport