/formula1/f1/f1-fia-aliviada-com-voto-de-confianca-da-audi/
F1: FIA aliviada com “voto de confiança” da Audi | AutoSport

F1: FIA aliviada com “voto de confiança” da Audi

Por a 16 Setembro 2022 16:34

O diretor técnico da FIA, Nikolas Tombazis, saudou a decisão “monumental” da Audi aderir à grelha da F1 em 2026.

O fabricante alemão confirmou momentos antes do Grande Prémio da Bélgica que vai entrar na Fórmula 1 como fornecedor de unidade motriz a partir de 2026, quando os novos regulamentos de motores entrarem em vigor.

Antes de qualquer outro potencial novo fabricante se juntar à grelha, isto significa que vamos ter cinco fornecedores diferentes, com a Audi a juntar-se à Mercedes, Ferrari, Renault e à recém-criada Red Bull Powertrains.

“A notícia é monumental”, disse Tombazis.

“É fantástico ter, imediatamente após a aprovação destas regras, a confirmação de um grande fabricante, uma grande marca como esta, a aderir ao desporto. É uma adição fantástica”.

No início deste ano, o Grupo Volkswagen deu luz verde, tanto à Audi como à Porsche, para avançar com os planos de entrada na F1.

Apesar da confirmação da Audi, a Porsche e a Red Bull terminaram recentemente as conversações sobre uma potencial parceria, embora o fabricante continue interessado em encontrar uma solução alternativa para entrar na grelha da competição rainha do desporto motorizado.

“Foi um dos principais objetivos nos primeiros tempos, tornar os regulamentos atrativos para novas marcas entrarem”, continuou Tombazis.

“Assim, um dos principais objetivos, a par de todas as mensagens ambientais, menores custos e corridas mais renhidas, era torná-la mais atrativa”.

“O anúncio feito pela Audi foi um voto de confiança”.

Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Infelizmente o Autosport não pode continuar a disponibilizar os seus artigos gratuitamente.
Já não é viável ter uma equipa de jornalistas profissionais sem que possamos vender o produto do nosso trabalho.
Tal como os jornais e revistas são pagos, também os conteúdos editoriais digitais terão que ser pagos.
Por favor subscreva o Autosport Exclusivo e ajude-nos a manter esta máquina em andamento!
São apenas 2€ por mês, subscreva agora AQUI
Subscribe
Notify of
2 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
garantia4
garantia4
4 meses atrás

Increditável como os seguidores da F1- anestesiados pela propaganda dos media?, os primeiros interessados nas audiências- nem reajam com mais uma trapaça monumental. Recorde-se: A audi diz querer novas normas regulamentares propositadamente feitas porque se declara incapaz de colmatar o gap das PU. Depois diz que o “desporto” está no seu DNA !!! Como é possível, especialmente haver jornalistas que o confirmam ?!…. E esta exigência – prontamente aceite ! – de modificar as regras sobre as PU é IMHO uma bela jogada sobre o problema dos custos: A fia sabe há muito , desde o tempo do Pinguim, que… Ler mais »

Last edited 4 meses atrás by jo baue
2020
2020
4 meses atrás

Mais uma mama

Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Infelizmente o Autosport não pode continuar a disponibilizar os seus artigos gratuitamente.
Já não é viável ter uma equipa de jornalistas profissionais sem que possamos vender o produto do nosso trabalho.
Tal como os jornais e revistas são pagos, também os conteúdos editoriais digitais terão que ser pagos.
Por favor subscreva o Autosport Exclusivo e ajude-nos a manter esta máquina em andamento!
São apenas 2€ por mês, subscreva agora AQUI
últimas F1
últimas Autosport
f1
últimas Automais
f1