/formula1/f1/f1-christian-horner-sete-equipas-podem-falhar-as-ultimas-corridas/
F1, Christian Horner: “Sete equipas podem falhar as últimas corridas” | AutoSport

F1, Christian Horner: “Sete equipas podem falhar as últimas corridas”

Por a 24 Maio 2022 19:30

A questão do limite orçamental continua a ser tema de conversa. Apesar do limite ter sido aprovado pelas equipas, continua a haver tentativas de o aumentar, olhando a inflação recente que tem afetado os mercados. Christian Horner foi mais longe e admitiu mesmo que algumas equipas poderão falhar as últimas corridas do ano se os responsáveis não fizerem nada:

“Sete das equipas provavelmente precisarão de falhar as últimas quatro corridas para ficarem dentro do limite este ano”, disse ele, citado pela BBC. “Não se trata apenas das grandes equipas. São as equipas no meio da tabela que estão a debater-se com a inflação. A FIA tem um dever de cuidado. Eu sei que estão a levar este assunto a sério”.

Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Infelizmente o Autosport não pode continuar a disponibilizar os seus artigos gratuitamente.
Já não é viável ter uma equipa de jornalistas profissionais sem que possamos vender o produto do nosso trabalho.
Tal como os jornais e revistas são pagos, também os conteúdos editoriais digitais terão que ser pagos.
Por favor subscreva o Autosport Exclusivo e ajude-nos a manter esta máquina em andamento!
São apenas 2€ por mês, subscreva agora AQUI
Subscribe
Notify of
9 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Frenando_Afondo™
Frenando_Afondo™
1 mês atrás

Outra vez?

Scb
Scb
1 mês atrás

As mesmas equipas que são contra o aumento do limite orçamental? Se calhar sabes mais que elas, não?

Pity
Pity
1 mês atrás

Ele está a esquecer-se de que as equipas são obrigadas, por contrato, a comparecer a todas as corridas, ou melhor dizendo, são obrigadas a estarem presentes em todos os fins de semana de corrida, sob pena de pesadas multas.

Cágado1
Cágado1
Reply to  Pity
1 mês atrás

O que pode ser uma contradição entre 2 normas e é para isso que ele alerta: as equipas têm de fazer todas as corridas, mas podem não conseguir fazer dentro do limite de budget. Muita tinta ainda vai rolar.

Pity
Pity
Reply to  Cágado1
1 mês atrás

O problema verdadeiro, é que as equipas tinham os orçamentos feitos, antes do início da época, mas a guerra na Ucrânia estragou-lhes o orçamento (estragou a toda a gente). Os fretes ficaram mais caros, os combustíveis idem, consequentemente as matérias primas também. Horner não deixa de ter razão, mas se fosse o orçamento familiar da casa dele (e fosse um pobretanas), tinha de se virar. Portanto, ou as equipas se põem todas de acordo e pedem um reforço de orçamento à FIA, ou cortam nos custos de desenvolvimento.

Não me chateies
Não me chateies
Reply to  Pity
1 mês atrás

O custo da mão de obra não sofreu alterações e duvido que gastem milhões em combustível nos camiões. Deve ser do preço da fibra de carbono. Todos temos um orçamento anual, não vamos mudar de placa gráfica do PC 2x durante o ano para melhorar o desempenho do PC, nem mudar do pack motores para o pack completo da SPTV para só ver as corridas na mesma. Já havia inflação elevada quando a Red Bull avançou para os últimos upgrades. Porque não fizeram como a Ferrari? E é engraçado falarem pelos outros, quanto muito apenas pela Mercedes, Alfa Tauri e… Ler mais »

Last edited 1 mês atrás by Não me chateies
gtman
gtman
Reply to  Não me chateies
1 mês atrás

Concordo que regras são regras e orçamentos são para cumprir custe a quem custar. Mas não vi a Mercedes a expressar qualquer opinião nesse sentido, esta passou diversas corridas sem apresentar qualquer evolução de relevo pois diziam não fazer sentido gastar dinheiro sem compreender os problemas que afectavam o carro. Quem, recentemente (ontem se não estou em erro) disse alguma coisa nesse sentido foi a Mclaren.

jo02101713
jo02101713
1 mês atrás

!?

benardo_eccle
benardo_eccle
1 mês atrás

….a espalhar arroz!!!!!

Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Infelizmente o Autosport não pode continuar a disponibilizar os seus artigos gratuitamente.
Já não é viável ter uma equipa de jornalistas profissionais sem que possamos vender o produto do nosso trabalho.
Tal como os jornais e revistas são pagos, também os conteúdos editoriais digitais terão que ser pagos.
Por favor subscreva o Autosport Exclusivo e ajude-nos a manter esta máquina em andamento!
São apenas 2€ por mês, subscreva agora AQUI
últimas F1
últimas Autosport
f1