Aava responde a Andersson

Por a 20 Maio 2007 16:44

A Suzuki continua a “falar” mais alto no Mundial Júnior mostrando que o Swift S1600 não tem rivais neste competição. Vingando as derrotas sofridas nas duas primeiras provas, Urma Aava foi, desta feita, o herói de serviço batendo Pier-Gunnar Andersson que, com o segundo lugar conquistado, mantém a liderança do campeonato.

Mas tal como já tinha acontecido em Portugal, os dois “jovens lobos” mantiveram um duelo aceso que só ficou decidido a meio da segunda etapa quando, na 10ª especial, o sueco foi obrigado a ceder o comando depois de furar (e ser obrigado a parar para mudar a roda) antes de se partir um dos discos de travão do Swift. Mas não se pense Aava teve também um rali isento de problemas.

O estónio também passou por dificuldades quando, na segunda etapa, não evitou um pião e um toque numa árvore. Sem andamento para infligir alguma pressão aos homens da Suzuki, Martin Prokop desde a primeira classificativa que percebeu que só com alguma sorte poderia obter melhor que um terceiro lugar.

E como o golpe de sorte não aconteceu, o piloto checo do Citroen C2 S1600 só teve que controlar os impulsos ofensivos, primeiro, de Patrick Sandell e depois de Aaron Burkart. Todavia, enquanto Burkart terminou em quarto depois de ser prejudicado pelo pó de Andreas Cortinovis, o sueco, do Renault Clio R3 (que pesava mais 120 quilos que os dois Swift S1600) perdeu bastante mais tempo, caindo para a sexta posição depois de furar no segundo dia de prova.

Com este resultado, Aava aproximou-se do seu adversário nas contas do JWRC, e dista agora somente quatro pontos do líder, que continua a ser Per Gunnar Andersson.

Aava responde a Andersson

últimas Ralis
últimas Autosport