/formula1/f1/f1-valtteri-bottas-chegou-ao-seu-100o-gp/
F1: Valtteri Bottas chegou ao seu 100º GP | AutoSport

F1: Valtteri Bottas chegou ao seu 100º GP

Por a 19 Abril 2018 12:26

Valtteri Bottas chegou ao seu 100º GP na F1 na última corrida. Na China conseguiu festejar o feito com um segundo lugar algo amargo, pois a vitória esteve perto de acontecer, não fosse o ataque avassalador de um australiano sorridente.

Bottas não reúne consensos entre os fãs da F1. A sua postura fechada e algo tímida, que fazia que aparecesse muitas vezes sozinho  na parada dos pilotos, não é a ideal para conquistar admiradores pelo mundo fora. Está muito longe de ter o carisma de Kimi Raikkonen. Em pista as suas qualidades também nem sempre foram muito apreciadas pois a postura fria que usa fora de pista é também a que aplica ao volante de um F1, embora já tenha mostrado por várias vezes que tem capacidade para atacar e dar nas vistas. A mudança para a Mercedes foi um prémio inesperado que trouxe desafios novos. A pressão de estar numa equipa de topo e ao lado de Hamilton deve ter mexido com o piloto que não rendeu o que se esperava dele.

Muitos dizem que não tem os argumentos necessários para se tornar um campeão do mundo de F1. Que a forma como não atacou Vettel no Bahrein ou deixou passar Ricciardo na China são claros indicadores de que não tem o nível de agressividade que um campeão tem de mostrar. Curiosamente as mesmas pessoas dirão que Verstappen é demasiado agressivo e precisa refrear a sua sede de ultrapassagens. O que Bottas fez no Bahrein ou na China mostra que a pressão de apresentar resultados é grande e que garantir um segundo lugar era melhor do que falhar e ficar fora do pódio. Mas dizer que Bottas não tem a qualidade suficiente para ser campeão do mundo pode ser exagerado.

A sua carreira antes da F1 é a todos os níveis fantástica. Nos campeonatos de Karting dominou nas  provas  nacionais e internacionais. Seguiu-se a Formula Renault 2.0 onde arrasou, vencendo a serie Eurocup e a NEC no mesmo ano. Mudou-se para  a Formula 3 Euroseries onde foi duas vezes terceiro, assim como no GP de Macau e venceu o GP3 antes de se mudar para a F1 com Frank Williams a abrir -lhe as portas do sonho. No total das 214 provas feitas tem 34 vitórias, 82 pódios, 31 poles e 34 voltas mais rápidas e 5 títulos em seu nome.

Um CV impressionante que conseguiu provar na Williams, conseguindo um quarto lugar final em 2014 e o quinto em 2015, numa equipa que estava a lutar com meios inferiores em relação à concorrência. No ano passado ficou em terceiro mas conseguiu a sua primeira vitória na F1. O sucesso de Bottas depende apenas dele. Se passar esta fase em que a confiança não está ainda no top, poderá mostrar mais do que tem feito. Se não conseguir libertar-se dessa pressão então aí as suas hipóteses de permanecer na Mercedes, se já são baixas, diminuem ainda mais. Não é um piloto de rasgo, de manobras alucinantes e de confrontos duros. Mas é um piloto de regularidade, que quer errar o menos possível, aproveitando o máximo de pontos possível sem arriscar em demasia. Uma fórmula que não entusiasma mas que já provou ser eficiente no passado.

 

Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Infelizmente o Autosport não pode continuar a disponibilizar os seus artigos gratuitamente.
Já não é viável ter uma equipa de jornalistas profissionais sem que possamos vender o produto do nosso trabalho.
Tal como os jornais e revistas são pagos, também os conteúdos editoriais digitais terão que ser pagos.
Por favor subscreva o Autosport Exclusivo e ajude-nos a manter esta máquina em andamento!
São apenas 2€ por mês, subscreva agora AQUI
Subscribe
Notify of
4 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Infelizmente o Autosport não pode continuar a disponibilizar os seus artigos gratuitamente.
Já não é viável ter uma equipa de jornalistas profissionais sem que possamos vender o produto do nosso trabalho.
Tal como os jornais e revistas são pagos, também os conteúdos editoriais digitais terão que ser pagos.
Por favor subscreva o Autosport Exclusivo e ajude-nos a manter esta máquina em andamento!
São apenas 2€ por mês, subscreva agora AQUI
últimas F1
últimas Autosport
f1