F1: Hamilton revela como Ross Brawn o convenceu a juntar-se à Mercedes

Por a 22 Novembro 2020 14:00

Lewis Hamilton juntou-se à Mercedes em 2013. É conhecida a influência que Niki Lauda teve na transição do britânico da McLaren para a Mercedes, mas o sete vezes campeão do mundo também explicou a influência de Ross Brawn, hoje diretor executivo da Fórmula 1, na sua ida para a equipa alemã.

Em 2012, Ross Brawn era então chefe de equipa da Mercedes, e ao autosport.com, Hamilton revelou: “Tinha falado com o Niki [Lauda] no Mónaco, mas o primeiro que falei foi com ele [Brawn]. Ele disse-me logo ‘Tens de te juntar a nós’.”

“Ele veio à casa da minha mãe e sentou-se comigo na cozinha. Tomámos chá e ele mostrou o plano para a equipa. Foi aí que tive a perceção do que eles queriam fazer”, afirmou Hamilton.

Subscribe
Notify of
4 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Scuderia Fast Turtle
Scuderia Fast Turtle
7 dias atrás

Aos anos e anos que se sabe disto.

garantia4
garantia4
7 dias atrás

Muito revelador.

aguia25
aguia25
7 dias atrás

Que chá saboroso!

garantia4
garantia4
Reply to  aguia25
7 dias atrás

aguia25,vem de pequenino a sua paixao pelos mercedes

https://www.youtube.com/watch?v=erZzzuKO-vE

últimas F1
últimas Autosport
f1
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x