Azores Rallye, PE12: Ricardo Teodósio recupera tempo a Bruno Magalhães no CPR

Por a 23 Março 2019 12:36

O dia de hoje começou muito chuvoso nos Açores, com muita lama nos troços, e logo os difíceis Graminhais e Tronqueira. Alexey Lukyanuk (Citroën C3 R5) continua confortavelmente na frente da classificação do rali, agora com uma margem ainda maior para o segundo classificado, que é agora Łukasz Habaj (Škoda Fabia R5), que passou para a frente de Ricardo Moura (Škoda Fabia R5) logos nos Graminhais, cedendo 10.4s para o polaco.

A questão do ponto de vista luso agudizou-se com os 36.1s perdidos por Moura na Tronqueira, que o colocam neste momento a 19.5s de Łukasz Habaj. anda não está ‘fechado’, este assunto, mas as perspetivas são agora bem piores…

Quem ficou pelo caminho foi Pierre Loubet – que era quarto – com um problema com o alternador do seu Škoda Fabia R5. Chris Ingram (Škoda Fabia R5) é o novo quarto classificado, e está agora a 20.3s de Moura. Bruno Magalhães (Hyundai i20 R5) subiu ao quinto posto, na frente de Marijan Griebel (VW Polo GTI R5) e Ricardo Teodósio (Škoda Fabia R5), que venceu esta especial.

Na luta pelo CPR, e para além de Moura, que continua na frente com 1m45s de avanço para Bruno Magalhães, as possibilidades de Teodósio voltaram a abrir-se nesta especical. Se no troço anterior Bruno Magalhães aumentou a margem para o piloto do Skoda, colocando-a em 31.3s, na Tronqueira foi a vez de Teodósio reagir, recuperando 17.9s ao piloto do Team Hyundai Portugal, o que o coloca a 13.4s. Significa isto que, faltando ainda 60 Km de troços cronometrados, esta luta continua acesa.

Tempos Online – CLIQUE AQUI

Deixe um comentário

Please Login to comment
  Subscribe  
Notify of
últimas CPR - CAMPEONATO DE PORTUGAL DE RALIS
últimas Autosport