WEC: Corrida de São Paulo passa para Austin

Por a 2 Dezembro 2019 16:00

O que era uma possibilidade é agora uma certeza. A prova de São Paulo não vai avançar e os responsáveis do WEC farão a quinta ronda do mundial em Austin, no Texas.

Os responsáveis do mundial de endurance já tinham avisado que os organizadores do evento brasileiro não tinham avançado ainda com as garantidas necessárias para receberem o evento e uma decisão sobre o assunto era esperada em Dezembro. Gerard Neveu afirmou que queria ter tudo clarificado até a prova do Bahrein, a meio deste mês, mas não foi preciso esperar tanto para que tal acontecesse. Eis o comunicado lançado pelo WEC:

“Lamentavelmente, o promotor local brasileiro para as 6 Horas de São Paulo não conseguiu cumprir suas obrigações contratuais e a organização do WEC não encontrou outra alternativa senão encontrar um local de substituição.

O WEC deseja deixar claro que não teve problemas com a cidade de São Paulo ou com o Autódromo José Carlos Pace (Interlagos). É estritamente uma questão com o promotor local.

Portanto, o Campeonato Mundial de Resistência da FIA retornará ao Circuito das Américas em Austin, Texas, em fevereiro próximo. A corrida de seis horas, que será realizada no domingo, 23 de fevereiro de 2020, substituirá as 6 Horas de São Paulo como a quinta ronda da temporada 2019-2020 do WEC.

O Circuito das Américas é bem conhecido e muito admirado pelos membros do WRC, pois o campeonato correu lá cinco vezes nos últimos sete anos. As excelentes instalações receberão os 30 protótipos e carros GT um mês antes de viajarem para a Flórida, para o incrível e muito esperado Super Sebring, organizado pelo IMSA.

A data da corrida no COTA foi marcada para 22 e 23 de fevereiro para não entrar em conflito com o Super Bowl 2020 da NFL, que acontece no primeiro final de semana de fevereiro, e para evitar um confronto com a corrida de Fórmula E entre 14 e 15 de fevereiro.

Gérard Neveu, CEO do Campeonato Mundial de Resistência da FIA, comentou: “Em primeiro lugar, devemos agradecer a Bobby Epstein e ao Circuito das Américas por nos receber num prazo relativamente curto. É um excelente local, e nossos fãs, concorrentes e media agora têm a garantia de excelentes corridas na América do Norte, não uma, mas duas vezes em dois meses.

“É claro que é muito lamentável estarmos nesta posição. O WEC lamenta esta situação e se sente muito triste pela cidade de São Paulo e pelos muitos milhares de fãs do automobilismo brasileiro. A nossa principal preocupação eram nossos concorrentes e parceiros, e trabalhamos muito para encontrar uma solução que oferecesse o mínimo transtorno possível. ”

2
Deixe um comentário

Please Login to comment
  Subscribe  
Notify of
ecs
Membro
ecs

Muito bem, situação resolvida.

Scb
Membro
Scb

Dado o pouco tempo acho una solução positiva até porque a pista é muito interessante, que até é admirada pelos membros do WRC 🙂

últimas VELOCIDADE
últimas Autosport