Formulas: Dan Ticktum na Super Fórmula com Lucas Auer

Por a 5 Dezembro 2018 13:17

Estamos numa fase de confirmações e para Dan Ticktum o seu futuro está também confirmado, para já sem grandes surpresas.  O piloto que venceu de forma categórica o GP de Macau e foi vice-campeão na F3 europeia irá agora continuar o seu crescimento no Japão na Super Fórmula. O piloto britânico estará com a Team Mugen, equipa onde Pierre Gasly competiu antes do salto para a F1 e onde Naoki Yamamoto venceu o título em 2018.

É assim mais um passo na carreira do jovem britânico que terá a companhia de Lucas Auer. O sobrinho de Gerhard Berger, ex-piloto de DTM que agora está incluído no programa da Red Bull e que irá também competir para o Japão. O jovem de 24 anos, que competia desde 2015 .no DTM, pela Mercedes. começou também a competir nos GT em 2017, mas agora deverá focar-se também nos monolugares, ele que já foi campeão na Fórmula 3 germânica e terceiro na Toyota Racing Series, antes de ter participado na Fórmula 3 europeia (4º classificado)

A união entre a Red Bull e a Honda significa que ambas as partes irão trabalhar agora em estreita colaboração, sendo que o jovem Yuki Tsunoda, jovem piloto da Honda que irá competir na F3 com as cores da Red Bull, o que fará também na Formula European Masters, que acompanha o DTM.  Juri Vips também estará na Fórmula 3 ele que deu nas vistas em Macau, apesar dos resultados mais modestos.

Depois de uma fase em que o programa de jovens da Red Bull parecia estar com menor fulgor, surgem agora novos talentos que começam a despertar o interesse de que segue as categorias de iniciação e que poderão ser uma mais valia no futuro, caso consigam evoluir e provar que o potencial que mostraram em pista é real. Cada vez mais a Red Bull tem usado a Super Fórmula como rampa de lançamento para os seus jovens talentos e com a parceira com a Honda é provável que tal venha a acontecer ainda com mais frequência.

1
Deixe um comentário

Please Login to comment
  Subscribe  
Notify of
Cágado1
Membro
Cágado1

Só para avivar a memória, o Filipe Albuquerque separou-se da RB por não querer ir para a Super-fórmula. Passado este tempo dá para questionar se terá sido a decisão correcta – embora o Filipe me pareça uma pessoa feliz e contente com a vida, que é o mais importante.

últimas VELOCIDADE
últimas Autosport