/formula1/f1/f1-alex-albon-aprendi-a-ser-mais-egoista/
F1, Alex Albon: “Aprendi a ser mais egoísta” | AutoSport

F1, Alex Albon: “Aprendi a ser mais egoísta”

Por a 5 Agosto 2022 17:30

Alex Albon fez um regresso que parecia algo improvável à F1. Depois de não ter conseguido impor-se na Red Bull (após uma promoção prematura), o piloto tailandês manteve-se ligado à Red Bull, sendo peça importante no triunfo de Max Verstappen em 2021, com muito trabalho de simulador. A equipa elogiou o trabalho de Albon e, talvez por isso, tenha facilitado a sua ida para a Williams, onde convenceu os responsáveis da equipa. Albon já tem contrato para 2023 com a equipa de Grove e terá mais uma época para mostrar o seu valor.

Albon admitiu que não tinha a estrutura certa à sua volta quando foi promovido à Red Bull e por ter pouca experiência foi “engolido”, sem conseguir impor a sua vontade:

“Penso que há esta sensação, no início da minha carreira – especialmente na Fórmula 1 – de que fui rapidamente integrado na equipa de topo”, explicou ele em entrevista ao racefans.net. “Basicamente, fui sem uma verdadeira estrutura de apoio atrás de mim. É uma posição complicada. Tudo é tão glamoroso. Entra-se e… Não quero dizer que me tornei num “yes man”, mas nesse sentido era um estreante e estava a aprender. Quando tinha deveres com os media, respondia: ‘Sim, claro, sem problemas’. Ou quando me diziam, ‘tens de experimentar isto no carro’, respondia: Não há problema. Queria fazer a coisa certa. Julgo que aprendi a ser mais egoísta, nesse sentido”.

“As pessoas pensam que quando passei o ano fora, foquei-me em melhorar a minha pilotagem e a forma como afino o carro. Muito foi apenas, ‘o que é que eu preciso? Preciso de um grupo de apoio. Preciso de ser mais egoísta nestas áreas e preciso de concentrar-me mais nestas pessoas ou neste tipo de secção. Encontrar realmente as áreas onde muito provavelmente desperdicei a minha energia a fazer coisas diferentes. Não quero dizer vou deixar de ser simpático, mas não quero ser demasiado obsequioso. Estou muito motivado e muito concentrado e acho que o ano fora deixou-me muito desejoso de mostrar às pessoas o que posso fazer”.

Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Infelizmente o Autosport não pode continuar a disponibilizar os seus artigos gratuitamente.
Já não é viável ter uma equipa de jornalistas profissionais sem que possamos vender o produto do nosso trabalho.
Tal como os jornais e revistas são pagos, também os conteúdos editoriais digitais terão que ser pagos.
Por favor subscreva o Autosport Exclusivo e ajude-nos a manter esta máquina em andamento!
São apenas 2€ por mês, subscreva agora AQUI
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Infelizmente o Autosport não pode continuar a disponibilizar os seus artigos gratuitamente.
Já não é viável ter uma equipa de jornalistas profissionais sem que possamos vender o produto do nosso trabalho.
Tal como os jornais e revistas são pagos, também os conteúdos editoriais digitais terão que ser pagos.
Por favor subscreva o Autosport Exclusivo e ajude-nos a manter esta máquina em andamento!
São apenas 2€ por mês, subscreva agora AQUI
últimas F1
últimas Autosport
f1
Autosport

GRÁTIS
BAIXAR