WEC: Toyota acusa Norman Nato de ’táticas perigosas’

Por a 10 Novembro 2019 16:42

A Toyota acusou o piloto do Rebellion #1, Norman Nato, de empregar ‘taticas muito perigosas’ no início corrida de Xangai. O diretor técnico da Toyota, Pascal Vasselon, criticou a largada do piloto francês.

O piloto do Rebellion #1 esperou um pouco, depois do semáforo ter mudado para verde, tendo sido ultrapassado pelos dois Ginettas e pelo Toyota TS050 Hybrid #7. Todos os três carros foram posteriormente penalizados com um drive through.

“O que aconteceu no início foi muito perigoso. Se o carro da frente não acelera podes ficar junto com o pelotão dos LMP2. Se ele lá à frente não acelerou de propósito, isso é uma tática perigosa”

“Nós ficámos surpreendidos com a penalização porque pensámos que ele [Nato] tinha um problema. É uma questão nova que temos de analisar. Mas tem implicações claras em termos de segurança.”

2
Deixe um comentário

Please Login to comment
  Subscribe  
Notify of
Cágado1
Membro
Cágado1

Desde os karts que se fazem técnicas dessas, ele limitou-se a escolher quando queria acelerar. Certo que não é normal numa prova de resistência, mas foram todos ingénuos, menos o Buémi e caíram na esparrela do Nato. Brilhante!

Cágado1
Membro
Cágado1

É que não tenho mesmo paciência para votos negativos. Quem não concordar, pf diga porquê. Isto é um fórum, o intuito de um fórum é trocar ideias, não dar pontos.

últimas VELOCIDADE
últimas Autosport