Jamie Chadwick quer mais da Williams

Por a 14 Agosto 2019 14:00

Jamie Chadwick tornou-se na primeira vencedora da categoria feminina de monolugares – a W Series – e pensa que o título a aproxima mais da categoria mais importante do automobilismo. A britânica já era, antes de vencer a W Series, piloto de desenvolvimento da Williams, e diz saber quais são os seus objetivos.

“Sei o que quero alcançar. Estou a fazer trabalho de simulador com a Williams, e estarei em Monza com eles no próximo mês. Espero agora poder contar com eles para algo mais”, disse Chadwick ao Telegraph.

A piloto de 21 anos, Jamie Chadwick, ganhou $500.000 por vencer a primeira W Series, uma categoria com o apoio de David Coulthard e Adrian Newey, que usa chassis idênticos aos de Fórmula 3.

De referir que, se conseguir, Jamie Chadwick será a sexta mulher na F1: Maria Teresa de Filippis, Lella Lombardi, Divina Galica, Desiré Wilson e Giovanna Amati foram as mulheres que já participaram em pelo menos uma corrida de F1.

9
Deixe um comentário

Please Login to comment
  Subscribe  
Notify of
mario
Membro
mario

Para já precisa de entrar no mundial de F3 numa equipa decente.

vasco__moura
Membro
vasco__moura

Parece ser a mulher mais perto de entrar na F1 (todos já vimos que a Tatiana Calderon é um flop) agora só tem de tentar conseguir um lugar na F2 ou na F3 e continuar a lutar contra o resto da malta! Esse meio milhão tem de ser bem usado se procura de chegar à F1

Scb
Membro
Scb

Mas se tivesse de escolher uma mulher para a F1 escolhia a Carmen Jordá. Não sei se bate a Jamie em pista, mas no Instagram dá-lhe uma abada.

mario
Membro
mario

Essa nem bate um caracol, como acabaram com as grid girls fica desempregada.

bpovoas_
Membro
bpovoas_

Ainda não viste a Vicky Piria então!

Carlitos 01
Membro
Carlitos 01

Além dos nomes femininos que participaram em corridas de f1, destaco também o nome de Danica Patrick que conseguiu um 3º lugar em Indianápolis, e terminou 6 vezes no top 10 em 8 participações. Chegou mesmo a vencer uma corrida de Formula Indy, a Japan 300 em 2008.

madracing
Membro
madracing

A Danica nunca valeu muito, ganhou uma corrida por sorte e não por talento, sempre esteve numa das melhores equipas a ser batida pelos colegas

can-am
Membro
can-am

Se fosse um homem com um palmarés tão “rico”… talvez andasse pelas corridas de amadores!

mario
Membro
mario

Ela já ganhou uma corrida da F3 inglesa, falar e não saber.

últimas VELOCIDADE
últimas Autosport