O ‘novo’ Hyundai i20 R5

Por a 21 Novembro 2019 14:37

O AutoSport foi à Sardenha ver o que andaram a fazer os homens da Hyundai com o seu i20 R5. Foi nas matas da zona de Olbia que o engenheiro responsável pelo i20 R5, Andrea Cisotti, um italiano nascido em Udine, nos explicou que “estamos a cumprir uma semana de testes para desenvolver o i20 R5.” E então, o que estão a testar? “Sendo este um carro para consumo interno, ou seja, para campeonatos locais, temos de o tornar mais amigo do piloto, pois dependendo da equipa e do campeonato, poderemos ter ao volante pilotos profissionais, amadores ou até ‘gentleman drivers’.”
Ou seja, o que se pretende é que todos possam guiar o i20 R5. Mas, não era isso que acontecia?

“Infelizmente, não. O nosso carro tinha algumas dificuldades no doseamento do acelerador, muito ‘on-off’ e havia algum desequilíbrio na afinação do chassis.”

Então, assim sendo, explique lá engenheiro, o que está diferente. “Mudamos a eletrónica do carro para o motor ser mais doseável.” Não resisti e interrompi lembrando que havia indicação que a Hyundai ia mexer no motor ao nível dos órgãos internos. “Infelizmente, não posso confirmar o que me está a dizer. Mudamos a eletrónica e o motor está mais amigo do piloto. Mas há mais alterações. Trocámos os fornecedores de amortecedores, agora trabalhamos com os franceses da PKM (que já trabalham com a equipa do WRC) e estamos a experimentar várias rampas dos diferenciais, nomeadamente, o traseiro.”

Andrea Cisotti não respondeu quando lhe perguntei porque não faziam o mesmo na frente, mas posso eu dizer-lhes que o Hyundai i20 R5 tem um peculiar sistema de tração integral que é híper fiável, mas tem um calcanhar de Aquiles: o diferencial dianteiro está dentro da caixa e para lá chegar há que desmontar a caixa de velocidades. Curiosamente, é tão fiável que nunca houve um abandono devido a problemas quer na caixa, quer no diferencial.

Mas havia mais novidades. “Sim” referiu Andrea Cisotti, “mudámos a direção e introduzimos algumas alterações no chassis.” E apesar do italiano não confirmar, o James Broomhead enviou-me um comunicado onde se confirma que há novos pistões e peças móveis dentro do motor. O bloco passou a debitar 290 cv, tem mais binário e melhor gestão do acelerador.

Exteriormente, o i20 R5 2020 terá espelhos retrovisores redesenhados, uma tomada de ar no tejadilho redesenhado e novas entradas de ar para arrefecer os travões e a caixa de velocidades. Tudo isto estará disponível para os clientes antigos num “kit” fornecido pela Hyundai Motorsport Customer Racing.

Deixe um comentário

Please Login to comment
  Subscribe  
Notify of
últimas CPR - CAMPEONATO DE PORTUGAL DE RALIS
últimas Autosport