/karting/os-primeiros-vencedores-do-campeonato-de-portugal-rotax/
Os primeiros vencedores do Campeonato de Portugal Rotax | AutoSport

Os primeiros vencedores do Campeonato de Portugal Rotax

Por a 4 Abril 2022 07:38

Gonçalo Coutinho, Vítor Mendes, João Dinis, Tomás Gomes, Afonso Ferreira, Manuel Miguez Gayoso e Francisco Correia venceram nas suas categorias a primeira prova do Campeonato de Portugal Rotax.
No Kartódromo de Baltar, sob a organização do Clube Automóvel do Minho (CAM), os 67 participantes distribuídos por diferentes categorias, proporcionaram corridas bem interessantes na estreia no Campeonato de Portugal Rotax.
Categorias DD2 e DD2 Master
Gonçalo Coutinho, com um kart equipado com chassis Kosmic, foi o mais rápido nos treinos cronometrados, completando uma volta aos 1020 metros da pista de Baltar em 47,198s e depois venceu a Final 1, com a volta mais rápida (47,619s). O piloto de Rio Tinto (Gondomar) voltou a impor-se quer na Final 2 quer na Final 3 (com a volta mais rápida em ambas) e somou 79 pontos… tantos quanto era possível somar.
Em Baltar, com três segundos lugares, Martim Nunes (Tonykart) garantiu a segunda posição com 60 pontos, enquanto Vítor Mendes (Praga) com três terceiros lugares, totalizou 51 pontos e completou o pódio da DD2 e venceu na DD2 Master.
Com 42 pontos, graças a quatro quartos lugares, o belga Fabio Kieltyka (Birel ART) foi quarto classificado e garantiu a segunda posição entre os Masters, na frente do holandês Christophe Adams (Tonykart) que somou 24 pontos e fechou o top-5 à geral e completou o pódio da DD2 Master.

Categoria Sénior Max
João Dinis, com um kart equipado com chassis Tonykart, venceu a Final 1 – com a volta mais rápida (47,619s) – e na Final 2 voltou a bater toda a concorrência, tendo na Final 3 sido segundo classificado. Com estes resultados, o piloto madeirense – que fez a sua estreia na categoria Sénior Max – somou 71 pontos e garantiu o lugar mais alto do pódio na prova de abertura do Campeonato de Portugal Rotax.
Em Baltar, Gabriel Caçoilo (Tonykart) foi o mais rápido nos treinos cronometrados, completando uma volta aos 1020 metros da pista de Baltar em 47,198s. O piloto de Aveiro – campeão em título – foi 2.º classificado na Final 1, 3.º na Final 2 e venceu a Final 3 (com a volta mais rápida em 48,293s) e garantiu a segunda posição com 64 pontos, enquanto Francisca Queiroz com um segundo e dois terceiros lugares, totalizou 54 pontos e completou o pódio.
Com 40 pontos, graças a um quinto e a dois quartos lugares, Tomás leitão (Tonykart) foi quarto classificado e Rodrigo Silva (Ricciardo) com um quarto e dois quinto lugares, somou 38 pontos e fechou o top-5, entre 19 participantes.

Categoria Júnior
Tomás Gomes (Kosmic) dominou por completo a categoria Júnior. Depois de ser o mais rápido nos treinos cronometrados, ao completar uma volta aos 1020 metros da pista de Baltar em 48,795s, o piloto de Braga liderou a Final 1 de princípio a fim e rubricou a volta mais rápida (49,005s). Tomás Gomes voltou a vencer quer na Final 2 quer na Final 3 (com a volta mais rápida em ambas) e somou 79 pontos… tantos quanto era possível somar.
Em Baltar, com um segundo e dois terceiro lugares, Henrique de Oliveira (LN) garantiu a segunda posição com 54 pontos, enquanto Tomás Lemos com um segundo e dois quartos lugares, totalizou 48 pontos e completou o pódio.
Com 45 pontos, graças a um segundo, um terceiro e um sétimo lugares, Pedro Barbosa foi quarto classificado e Max Radeck (Kart Republic) com um quarto, um quinto e um sexto lugares, somou 36 pontos e fechou o top-5.

Categorias Mini Max e Micro Max
Manuel Miguez Gayoso – da Micro Max –, com um kart equipado com chassis Parolin, venceu a Final 1, foi 2.º classificado na Final 2 e 4.º na Final 3 (com a volta mais rápida em 51,951s), totalizando 60 pontos. Martim Marques (Kart Republic) – da Micro Max – também somou 60 pontos, já que depois de ser 2.º classificado na Final 1 e 4.º (com a volta mais rápida em 51,871s) na Final 2, bateu toda a concorrência na Final 3. Contudo, a vitória ficou na posse do piloto espanhol por ter obtido um registo melhor nos treinos cronometrados, tendo Martim Marques sido um honroso segundo classificado à geral e na Micro Max entre 15 participantes.
Em Baltar, com um quarto e dois segundos lugares, Afonso Ferreira (Kosmic) – da Mini Max – garantiu a terceira posição à geral com 48 pontos e venceu na Mini Max, enquanto Ricardo Gonçalves (Tonykart) – da Micro Max – com um segundo, um terceiro e um sexto lugares, foi quarto classificado com 47 pontos à geral e encerrou o pódio da Micro Max.
Com 36 pontos, João Barros – da Mini Max – foi o mais rápido nos treinos cronometrados, completando uma volta aos 1020 metros da pista de Baltar em 51,625s. Nas Finais, o piloto de Paredes obteve a um sexto lugar na Final 1 (com a volta mais rápida em 51,844s) e a dois quintos lugares, pelo que fechou o top-5 à geral e garantiu a segunda posição na Mini Max.
Por sua vez, o regressado João Maria Pereira (Kart Republic) – da Mini Max –, depois de ser forçado a abandonar na Final 1, venceu a Final 2 e foi sexto classificado na Final 3, pelo que terminou na sexta posição à geral com 35,5 pontos e completou o pódio da Mini Max.
Gabriela Teixeira (DR) venceu a classe feminina na Mini Max e a ‘rookie’ Aya Delbrassine (Birel ART) triunfou na classe feminina da Micro Max.
Categoria Micro Academy
Francisco Correia, com um kart equipado com chassis Kart Republic, foi o mais rápido nos treinos cronometrados, completando uma volta aos 1020 metros da pista de Baltar em 53,851s. O piloto de Braga venceu depois a Final 1, com a volta mais rápida (53,997s), foi 3.º classificado na Final 2 e venceu a Final 3, totalizando 69 pontos, pelo que subiu ao lugar mais alto do pódio na primeira prova do Campeonato de Portugal Rotax da categoria Micro Academy.
Em Baltar, com três segundos lugares e uma volta mais rápida (54,185s) na Final 3, Leonor Rocha (Parolin) garantiu a segunda posição com 61 pontos, enquanto o ‘rookie’ Vicente Capela (Charles Leclerc) com uma vitória e dois terceiro lugares, totalizou 59 pontos e completou o pódio.
Com 39 pontos, graças a dois quartos lugares e a um sexto lugar (com a volta mais rápida 54,670s na Final 2), Vasco Oliveira (Parolin) foi quarto classificado e Vicente Correia (Ricciardo) com um quarto, um quinto e um sexto lugares, somou 36 pontos e fechou o top-5. Os ‘rookies’ Manuel Caetano (Tonykart), Gabriel Guimarães (Tonykart) e Lourenço Vilão (Tonykart) foram os sexto, sétimo e oitavo classificados, respetivamente.
A segunda prova está agendada para 4 e 5 de junho e será disputada no kartódromo Internacional de Leiria, sobre a organização do Núcleo de Deportos Motorizados de Leiria (NDML).
Classificações em: CPRTX 2022 – BALTAR Results (apex-timing.com)

Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Infelizmente o Autosport não pode continuar a disponibilizar os seus artigos gratuitamente.
Já não é viável ter uma equipa de jornalistas profissionais sem que possamos vender o produto do nosso trabalho.
Tal como os jornais e revistas são pagos, também os conteúdos editoriais digitais terão que ser pagos.
Por favor subscreva o Autosport Exclusivo e ajude-nos a manter esta máquina em andamento!
São apenas 2€ por mês, subscreva agora AQUI
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Infelizmente o Autosport não pode continuar a disponibilizar os seus artigos gratuitamente.
Já não é viável ter uma equipa de jornalistas profissionais sem que possamos vender o produto do nosso trabalho.
Tal como os jornais e revistas são pagos, também os conteúdos editoriais digitais terão que ser pagos.
Por favor subscreva o Autosport Exclusivo e ajude-nos a manter esta máquina em andamento!
São apenas 2€ por mês, subscreva agora AQUI
últimas KARTING
últimas Autosport
karting