F1: Toto Wolff vai tentar minimizar incertezas no futuro

Por a 7 Novembro 2019 13:30

A situação contratual de Valtteri Bottas na Mercedes terá afectado a performance do piloto finlandês. Bottas admitiu que o facto de não saber o que lhe reservava o futuro poderá ter tido influência nas suas prestações:

“Definitivamente havia incertezas para 2020 a certo ponto”, disse Bottas em Austin. “Muitos rumores. Eu não tinha ideia do que poderia acontecer. Eu só tive que esperar. Então, com certeza, como atleta, como piloto, não é uma situação ideal. Não conseguimos ficar completamente tranquilos, focados no trabalho, estar mentalmente livre e no lugar certo. É complicado.”

Toto Wolff ouviu o comentário de Bottas e admitiu que a situação não terá sido a ideal e que no futuro tentará evitar este tipo de incertezas. Wolff admitiu também que nenhum dos seus pilotos tem contrato para lá de 2021 e que esta situação será interessante:

“Em 2021 todas as portas estão abertas: nenhum de nossos pilotos tem contrato com a equipa, então será uma situação muito interessante.”

“Espero que o carrossel dos pilotos comece a girar em breve!”

Se a permanência de Hamilton além de 2021 faz sentido, dependendo, se calhar, apenas da vontade do piloto, que também já demonstrou que se sente confortável na equipa e que está no sítio certo, já Bottas terá de lidar novamente com a incerteza até ao fim. George Russell tem estado a evoluir bem e já provou tem potencial para ser um piloto de top no futuro. Hamilton tem 34 anos e Bottas tem 30. A Mercedes poderá começar a olhar para o futuro de forma diferente e Russell pode ser uma opção a ter em conta. Apesar da vontade de Wolff em minimizar as incertezas 2020 não será certamente o melhor ano para o fazer pois muitas oportunidades surgirão e a Mercedes será sempre o lugar mais desejado.

6
Deixe um comentário

Please Login to comment
  Subscribe  
Notify of
Pity
Membro
Pity

Um conselho ao Fábio Mendes: antes de escrever algum artigo, verifique se o tema não foi já descrito por outro jornalista. Como é o caso presente.

jgleal1
Membro
jgleal1

É inacreditável a falta de qualidade destes jornalistas.

Eu_não_sou_o_frenando_afondo
Membro
Eu_não_sou_o_frenando_afondo

Estou a ter uma sensação de dejá-vu… Será que fizeram mudanças na Matrix?

an19071747
Membro
an19071747

Alguém quer apostar cmg que em 2021 Bottas está fora da Mercedes

pica
Membro
pica

Tenho cá para mim que Mercedes em 2021 será Russel e Norris.
Como diz o Ronaldo
“O futuro a deus pertence”.

Eu_não_sou_o_frenando_afondo
Membro
Eu_não_sou_o_frenando_afondo

Portanto, chegam a 2021, mudança de regras, possível mudança de hierarquia no plantel e decidem ter dois pilotos que entre si não terão mais que 4 anos de experiência em campeonatos de F1. Sem contar que nenhum deles terá experiência com o monolugar (a menos que se mudem para a Mercedes como pilotos de testes).

Yep, faz todo o sentido.

últimas F1
últimas Autosport