F1: Q&A, Sebastian Vettel: “Estamos melhor do que no ano passado”

Por a 14 Março 2019 14:23

P: Sebastian, foste o mais rápido nos testes de inverno. Sentes que estás numa posição melhor agora do que no ano passado por esta altura?
SV: “Sim. Francamente acho que estamos melhor do que no ano passado, porque acho que os testes de inverno do ano passado não correram bem, pois tivemos alguns problemas com o carro para resolver e obviamente tivemos alguma sorte no fim-de-semana da corrida, com o Safety Car, para conseguirmos a vitória. Mas sim, acho que nesse aspeto estamos melhor preparados.
O nosso carro parece funcionar bem, não tivemos quaisquer problemas nesta fase. Dito isto, obviamente não podemos fazer melhor do que o resultado aqui na Austrália o ano passado. Portanto, vai ser um fim-de-semana difícil para nós. É o começo, há sempre um pouco de nervosismo, pois não sabemos exatamente onde estamos. Não se sabe o que vai acontecer, mas sim, acho que estamos bem, o espírito é bom, a atmosfera é boa, estamos felizes por estar aqui e ansiosos para começar a correr.”

P: Apenas uma palavra rápida relativamente às mudanças na regulamentação técnica. Sentes que será possível seguir outro carro mais perto este ano do que no ano passado?
SV: “Testar não significa seguir outros carros e ultrapassar. Por isso, não tive muitas situações dessas, mas não me pareceu fazer grande diferença. Esperemos que seja melhor e mais fácil este ano. Veremos. Obviamente, o DRS é um pouco diferente. É um ‘delta’ (ndr, mais fácil ultrapassar porque o DRS é maior) e um pouco maior, pelo que vamos ver.”

P: Referiste estar melhor preparado este ano. Será que é diferente vir aqui, provavelmente como caçador ao invés de presa?
SV: “Eu acho que somos todos caçadores e todos presa. Todos temos zero pontos. Mas espero que depois de sair daqui, estejamos na posição de caçadores. Esse é o alvo…”

P: O teu chefe de equipa disse que em determinadas situações, serás favorecido. O que significa isso?
SV: “Acho que não faz muito sentido falar dessas situações agora. Acho que está muito claro, e acho que o Mattia (Binotto) também o deixou bem claro. Estamos livres para correr, livres para correr uns contra os outros. Penso que o Charles (Leclerc) fará o seu melhor para se ajudar a si próprio e à equipa, e sucede o mesmo comigo. Farei o meu melhor para mim e para ajudar a equipa. Por isso, no final, estamos a correr pela Ferrari e isso significa que tentamos levar a Ferrari de volta ao ponto em que temos tentado voltar a fazê-lo nos últimos dois anos. Essa é a principal prioridade e o resto, é uma longa, longa temporada, e acho que é um pouco inútil começar já a apontar alguns cenários…”

P: No último par de campeonatos que não alcançaste o teu objetivo tiveste o peso nos ombros da imprensa italiana. Agora, sob a nova liderança do Mattia Binotto, achas que com a nova atitude do departamento de comunicação em relação à imprensa, tudo pode ser diferente?
SV: “Não tenho a certeza se a comunicação social vá fazer uma grande diferença, a menos que, de alguma forma, possam transferir pontos para a minha conta. Acho que é um ano novo, obviamente (houve) algumas mudanças. É claro que estaremos focados em tentar fazer o nosso trabalho o melhor que pudermos. Acho que há muita paixão dentro desta equipa, e acho que vencer é o melhor que podemos fazer.
Mas como disse, há tantas corridas, tanto tempo, tantas coisas de que dependemos.
Como disse, até agora o ambiente é bom, o espírito é bom, e tentamos levar isso para a época. Em termos de expetativas, acho que é normal quando se termina em segundo lugar no ano anterior, que a forma de ver as coisas é que foi um desastre porque acabámos em segundo, por isso, terminar em segundo, terceiro ou quarto lugar é o mesmo desastre. O vencedor leva tudo, então nesse caso o Lewis tem estado nessa posição nos últimos anos e agora nós tentamos inverter a situação…”

FONTE: Conferência de imprensa da FIA

9
Deixe um comentário

Please Login to comment
  Subscribe  
Notify of
NewEraf1
Membro
NewEraf1

Eu acredito que este Ferrari sf90 é um carro vencedor, e se nesta madrugada virmos a Ferrari na frente com maus de 5 décimas para a concorrência direta, então dificilmente a Ferrari com uma direção calma e estável e alegre, com a melhor dupla de pilotos desde sempre que eu me lembre em teoria se vettel não cometer os erros infantis de 2018. O carro claramente é mais estável e rápido que o Mercedes nas curvas lentas pelos o boards que a f1 disponibilizou no YouTube, e parece que continua com o melhor motor mais potente talvez menos confiável do… Ler mais »

sr-dr-hhister
Membro
sr-dr-hhister

A questão é se vão conseguir acompanhar o desenvolvimento técnico da Mercedes. Que têm um bom carro ninguém tem dúvidas.

UNOBUTHI
Membro
UNOBUTHI

Escondido…

Eu_não_sou_o_frenando_afondo
Membro
Eu_não_sou_o_frenando_afondo

Força Vettel! Espeta esse dedo na cara dos Tiffosi para eles ficarem todos lixados!!

Ai espera…

Kaos
Membro
Kaos

As principais equipas melhoraram todas por isso…
Vamos a ver se realmente está na frente…gostava mais de ver o Kimi e o Kubica na frente…😎😎

UNOBUTHI
Membro
UNOBUTHI

E já agora o Leclerc!

Kaos
Membro
Kaos

A dar ratada no Vettel era lindo…

UNOBUTHI
Membro
UNOBUTHI

Porque não?!… desde que seja um Ferrari a vencer, no problem!

sempreferrari
Membro
sempreferrari

So no final do Grande premio da Austrália é que podemos tirar conclusões, sabemos que existe equipas mais bem preparadas do que outras…mas até podemos ter surpresas…basta lembrar á uns anos a Brawn..por isso vamos esperar para ver…

últimas Destaque Homepage
últimas Autosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/motosport.png