/formula1/f1/f1-o-pit-stop-mais-longo-do-ano-ate-agora/
F1: O pit stop mais longo do ano até agora | AutoSport

F1: O pit stop mais longo do ano até agora

Por a 18 Agosto 2022 11:30

As paragens nas boxes são fundamentais para o sucesso numa corrida e quanto mais rápidas forem, maiores as probabilidades de um bom resultado. Mas nem sempre correm bem.

Se a paragem mais rápida do ano é a da Red Bull (Sergio Pérez no GP da Hungria – 2.19 seg.) a mais lenta do ano foi da Alpha Tauri. Demorou 21.41 segundos, no carro de Yuki Tsunoda, no GP do Azerbaijão, quando os mecânicos tentavam reparar a asa traseira partida, usado para isso a muito conhecida técnica da “fita americana”. No entanto, ficou muito longe de quebrar o “recorde” da Mercedes do pit stop mais longo de sempre. Esse recorde foi estabelecido no ano passado no GP do Mónaco. A Mercedes precisou de 43 horas e 15 minutos para conseguir trocar as quatro rodas do carro de Valtteri Bottas. O parafuso da roda dianteira direita ficou preso e só foi possível a remoção da roda quando o carro foi chegou às instalações da Mercedes em Brackley. Mais um recorde para a Mercedes, mas este certamente que não será celebrado.

Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Infelizmente o Autosport não pode continuar a disponibilizar os seus artigos gratuitamente.
Já não é viável ter uma equipa de jornalistas profissionais sem que possamos vender o produto do nosso trabalho.
Tal como os jornais e revistas são pagos, também os conteúdos editoriais digitais terão que ser pagos.
Por favor subscreva o Autosport Exclusivo e ajude-nos a manter esta máquina em andamento!
São apenas 2€ por mês, subscreva agora AQUI
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Infelizmente o Autosport não pode continuar a disponibilizar os seus artigos gratuitamente.
Já não é viável ter uma equipa de jornalistas profissionais sem que possamos vender o produto do nosso trabalho.
Tal como os jornais e revistas são pagos, também os conteúdos editoriais digitais terão que ser pagos.
Por favor subscreva o Autosport Exclusivo e ajude-nos a manter esta máquina em andamento!
São apenas 2€ por mês, subscreva agora AQUI
últimas F1
últimas Autosport
f1