F1, Lewis Hamilton: “Adoro reunir pessoas e orgulho-me disso”

Por a 18 Julho 2019 13:10

Lewis Hamiton distanciou-se das acusações à imprensa britânica, que foi acusada ter um racismo ‘escondido’ para com o piloto. A polémica estalou após um jornalista do The Guardian ter perguntado a Lewis Hamilton como se sente sobre a sua ‘britishness’, ou seja, sobre a sua nacionalidade. O jornalista pôs em causa o seu sotaque, o facto de passar muito tempo nos EUA e o facto de viver no Mónaco.

“Lembro-me de ver Jenson Button, e outros na F1 a mudarem-se para o Mónaco, e nunca ninguém disse nada sobre isso. Quando eu o fiz alguém tinha algo a dizer”, disse o britânico na conferência de imprensa em Silverstone.

Rio Ferdinand, ex-jogador de futebol inglês, publicou, entretanto, um tweet a criticar a imprensa britânica acusando-a de usar ‘tons racistas’ nas suas perguntas e palavras.

“Eu percebo a opinião do Rio [Ferdinand]”, disse Hamilton. “E ele tem o direito de dizer isso. Não é um tema sobre o qual eu queira falar. Eu tenho fãs de todas as etnias e adoro perceber que reúno as pessoas. Orgulho-me disso e vou continuar a fazê-lo”, rematou o piloto.

4
Deixe um comentário

Please Login to comment
  Subscribe  
Notify of
aguia25
Membro
aguia25

Rumo ao Hexa! O resto é conversa.

RogerM
Membro
RogerM

Como a telenovela sobre o Vettel já dá sono…toca a criar outra com o Hamilton. A diferença é que os fanboys não dão seguimento à trama.

Eu_não_sou_o_frenando_afondo
Membro
Eu_não_sou_o_frenando_afondo

Nunca percebi esta moca de ver a cor da pele. Quando entrou na F1 lembro-me dos títulos começavam sempre com “primeiro piloto de cor na F1” e “que fará o primeiro piloto de cor na F1?” ou “conseguirá o primeiro piloto de cor ganhar na F1”. O homem parecia que se chamava “piloto de cor” e não Hamilton. Aqui é a mesma pessegada. Ninguém pergunta ao Vettel como se sente na sua “germaness” por o seu sotaque quando fala inglês não é carregado o suficiente. Mas é assim, quando não se tem nada para falar, pega-se em coisas que não… Ler mais »

Pity
Membro
Pity

Qualquer piloto, equipado com o seu macacão, luvas e capacete, é apenas isso: um piloto. Não tem cor. Alguém se incomodou, até hoje, com a cor dos japoneses ou dos indianos, que correram na Fórmula 1? Esses também não são brancos. O Wehrlein também não é bem branco. Alguém se incomodou? Só se incomodam com o Hamilton porque ele é um vencedor, se fosse um Magnussen ou um Palmer, ninguém se incomodava.

últimas F1
últimas Autosport