F1: Jacques Villeneuve elogia Carlos Sainz, mas deixa aviso

Por a 10 Julho 2024 09:40

Jacques Villeneuve elogiou Carlos Sainz, mas deixou o alerta de que esperar pela oportunidade certa pode custar caro, apesar de reconhecer o seu impacto positivo em equipas como a McLaren e a Ferrari.

Com a entrada de Lewis Hamilton para a Ferrari e a manutenção de Charles Leclerc, Sainz precisa de uma nova equipa para 2025, mas as opções são limitadas com equipas de topo como a Mercedes, a Red Bull e a Ferrari.

A Mercedes poderia ter sido uma opção para substituir Hamilton, mas o diretor da equipa, Toto Wolff, tende para Kimi Antonelli, possivelmente devido ao ego, de acordo com Villeneuve. Enquanto Sainz parecia pronto para se juntar à Williams, o negócio fracassou, possivelmente devido ao envolvimento de Flavio Briatore na Alpine.

Villeneuve adverte que adiar decisões pode frustrar as equipas e prejudicar as perspetivas de Sainz, pois pode parecer que não são a sua primeira escolha. Apesar disso, Villeneuve elogia a ética de trabalho de Sainz, a sua capacidade de melhorar as equipas e o seu comportamento calmo sob pressão. Atualmente, Sainz tem o interesse da Mercedes, Williams, Sauber (Audi) e Alpine, mas o seu futuro permanece incerto.

“Ele ainda deve estar à espera da Mercedes, que Antonelli não seja suficientemente bom para que o lugar esteja disponível durante alguns anos. Mas, ao jogar o jogo da espera, pode descobrir que é o último a ficar de pé e o último a ficar de pé não é positivo”, avisou o canadiano. “A dada altura, é provável que irrite as outras equipas que lhe fizeram propostas fantásticas. Sainz parecia certo de que iria para a Williams, mas então algo aconteceu. Acabamos por assinar muito tarde e tornamos óbvio para essa equipa que ela era apenas a nossa terceira opção. Isso também não é a melhor coisa a fazer”.

“O Carlos tem uma grande ética de trabalho e a forma como trabalha com os engenheiros, o seu feedback é ótimo e compensa. Tem muito valor. Ele é rápido e competitivo e parece reagir bem sob pressão. Quando foi dispensado pela Ferrari, não reagiu mal. Isso faz muita diferença. As equipas gostam disso. Ele seria ótimo para a Williams, que precisa de dois pilotos assim. Eles estão a subir”.

Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Já não é mais possível o Autosport continuar a disponibilizar todos os seus artigos gratuitamente.
Para que os leitores possam contribuir para a existência e evolução da qualidade do seu site preferido, criámos o Clube Autosport com inúmeras vantagens e descontos que permitirá a cada membro aceder a todos os artigos do site Autosport e ainda recuperar (varias vezes) o custo de ser membro.
Os membros do Clube Autosport receberão um cartão de membro com validade de 1 ano, que apresentarão junto das empresas parceiras como identificação.
Lista de Vantagens:
-Acesso a todos os conteúdos no site Autosport sem ter que ver a publicidade
-Oferta de um carro telecomandado da Shell Motorsport Collection (promoção de lançamento)
-Desconto nos combustíveis Shell
-Acesso a seguros especialmente desenvolvidos pela Vitorinos seguros a preços imbatíveis
-Descontos em oficinas, lojas e serviços auto
-Acesso exclusivo a eventos especialmente organizados para membros
Saiba mais AQUI
Subscribe
Notify of
6 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Pity
Pity
8 dias atrás

O Villeneuve a fazer um elogio? O homem deve estar doente… 😀😀😀

917/30
8 dias atrás

As palavras de JV vão de encontro ao que penso de Sainz. Não é o melhor mas é muito bom, não é o mais rápido mas é muito rápido, não é o mais talentoso mas tem muito talento, além disso é um piloto muito trabalhador e com uma inteligência de corrida notável. Sainz foi-se fazendo ao longo dos anos e neste momento fruto dessa evolução é um dos melhores, não está no topo da lista mas está lá perto.

Thor
Thor
Reply to  917/30
8 dias atrás

Cada vez mais concordo, especialmente com o último parágrafo.

Pity
Pity
Reply to  917/30
8 dias atrás

O que falta ao Sainz em talento natural, sobra-lhe em inteligência.

gearless02
gearless02
7 dias atrás

Na maioria das vezes nem comento…
Mas esta faz-me lembrar a do “General Staff”, que foi magistralmente traduzido na língua de Camões, por General Staff, o general de nome Staff… general staff em inglês quer dizer estado-maior.
Aqui, é o Sainz a ficar de pé… em inglês, last one standing, traduz-se, neste caso, por ficar apeado, e não o último a ficar de pé.
Enfim…

Leandro Marques
Leandro Marques
Reply to  gearless02
7 dias atrás

Com o encostado já sabemos que é só copy paste e Google tradutor. Fraco todos os dias que só envergonha o AS. Deveriam exilar ele de novo para o automais porque está visto que sobre F1 com ele é cada cavadela cada minhoca. Mas como está ainda aos saltinhos por causa do último fim de semana temos de levar com as barbaridades dele de novo.

últimas FÓRMULA 1
últimas Autosport
formula1
últimas Automais
formula1
Ativar notificações? Sim Não, obrigado