/formula1/f1/f1-guanyu-zhou-estou-contente-por-ter-saido-da-alpine/
F1, Guanyu Zhou: “Estou contente por ter saído da Alpine” | AutoSport

F1, Guanyu Zhou: “Estou contente por ter saído da Alpine”

Por a 5 Agosto 2022 12:45

Nos últimos dias, a Alpine tem recebido ‘mensagens’ de todos os lados. Especialmente após o acordo entre Fernando Alonso e a Aston Martin e surpreendente ‘nega’ que a equipa de Enstone levou de Oscar Piastri, depois do piloto ter sido dado como confirmado para 2023.

Foi precisamente da Alpine que Guanyu Zhou partiu há um ano atrás. O primeiro piloto chinês na história da Fórmula 1 foi formado pela academia da Renault e pilotou pela Alpine em vários testes, mas compreendeu que o seu futuro deveria ser fora da equipa francesa. O exemplo de Piastri ajudou-o a tomar a sua decisão.

O asiático admite que já não tem quaisquer laços com os gauleses. “Eles libertaram-me completamente. Tudo funcionou muito bem, porque o meu contrato terminou no final do ano passado e era nossa decisão continuar ou não, mas depois surgiu uma oportunidade com a Alfa Romeo. Portanto, o acordo foi definitivamente não continuar com a Alpine, porque não vi nenhum lugar onde pudesse ser a escolha para o próximo ano ou para este ano. E a Alfa Romeo e a Alpine são marcas que competem entre si, não só na Fórmula 1, mas em geral”, disse à Racer.

Zhou confessa que olhou para o que aconteceu a Piastri, que depois de ganhar a F2 em 2021 passou todo o ano de 2022 de lado e apenas como piloto de testes. “Não foi fácil sair da Alpine, mas estou muito feliz por tudo ter corrido bem porque se eu estivesse mais um ano fora, estaria um pouco ‘enferrujado’, o mesmo que agora acontece com Oscar. Não era a melhor coisa para mim. Sinto que houve aqui uma oportunidade, por isso fui atrás dela, e penso que foi uma decisão muito boa”, admite.

Zhou diz que se libertou mentalmente e que vai em busca de mais. “Acho que ninguém o pode imaginar, porque eu estava a enfrentar a pressão dos comentários enquanto ainda estava a correr na F2, tentando lutar pelo título. Isso deitou-me um pouco abaixo, mas não me impediu de me mostrar na F1 e isso é o mais importante”, concluiu o piloto de 23 anos.

Por Eduardo Moreira

Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Infelizmente o Autosport não pode continuar a disponibilizar os seus artigos gratuitamente.
Já não é viável ter uma equipa de jornalistas profissionais sem que possamos vender o produto do nosso trabalho.
Tal como os jornais e revistas são pagos, também os conteúdos editoriais digitais terão que ser pagos.
Por favor subscreva o Autosport Exclusivo e ajude-nos a manter esta máquina em andamento!
São apenas 2€ por mês, subscreva agora AQUI
Subscribe
Notify of
4 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Cágado1
Cágado1
13 dias atrás

Não é farpa nenhuma à Alpine, como o título e parte do texto induz. É uma conclusão lógica de um piloto que tinha o caminho barrado e arranjou uma alternativa. Qualquer um estaria feliz na mesma situação.

dannyricfanclub
dannyricfanclub
13 dias atrás

Título: «Estou contente por ter saído da Alpine». Artigo: «Não foi fácil sair da Alpine». Em que ficamos? Antes de mais: põe-se entre aspas o que os citados dizem literalmente, palavra por palavra, e não aquilo que pensamos que eles disseram (ou gostaríamos que tivessem dito, como neste caso). Não devia ser necessário explicar isto a «jornalistas profissionais»! Além de o título contradizer o teor da entrevista, com o objectivo de atrair leitores, o que se faz aqui é criar a impressão de que a Alpine, agora que o ídolo da redacção vai sair, é uma equipa para a qual… Ler mais »

Last edited 13 dias atrás by Danny Ric Fan Club
dannyricfanclub
dannyricfanclub
Reply to  dannyricfanclub
12 dias atrás

Já agora, um pequeno acréscimo: como entre os chineses o apelido precede o nome próprio, o piloto chama-se Zhou Guanyu, não «Guanyu Zhou».

McFamba
McFamba
12 dias atrás

Penso que a Alpine também não está muito triste por te ver fora da equipa. Portanto ficam os dois muito contentes, certo?

Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Infelizmente o Autosport não pode continuar a disponibilizar os seus artigos gratuitamente.
Já não é viável ter uma equipa de jornalistas profissionais sem que possamos vender o produto do nosso trabalho.
Tal como os jornais e revistas são pagos, também os conteúdos editoriais digitais terão que ser pagos.
Por favor subscreva o Autosport Exclusivo e ajude-nos a manter esta máquina em andamento!
São apenas 2€ por mês, subscreva agora AQUI
últimas F1
últimas Autosport
f1
Autosport

GRÁTIS
BAIXAR