WTCR Macau: Rob Huff regressa à procura da 10ª vitória

Por a 13 Novembro 2019 11:25

O piloto britânico Rob Huff, o homem que tem o recorde de vitórias, regressa para tentar obter a sua 10ª vitória na Corrida da Guia de Macau no WTCR. O britânico, que venceu este evento de carros de turismo por nove ocasiões entre 2008 e 2017, quer repetir o feito mas não terá vida fácil.

Huff irá correr pela Volkswagen – através da Sébastien Loeb Racing – uma das sete marcas do pelotão. A estrutura ostenta quatro carros, e Huff será acompanhado na SLR VW Motorsport por outro vencedor de Macau, Mehdi Bennani, piloto marroquino, enquanto que a equipa SLR Volkswagen inclui o bicampeão mundial de ralicross Johan Kristoffersson e Benjamin Leuchter.

O piloto húngaro Norbert Michelisz é outro homem a bater, agora que a temporada de 2019 da Taça do Mundo de Carros de Turismo da FIA se aproxima do seu clímax. Vencedor em Macau em 2010, Michelisz já igualou, em termos de vitórias, a sua melhor temporada no mundial de carros de turismo até à data e emergiu como um dos protagonistas da equipa de quatro carros da Hyundai.

O húngaro é acompanhado na BRC Hyundai N Squadra Corse por Gabriele Tarquini, que por três pontos obteve o título inaugural de pilotos da Taça do Mundo de Carros de Turismo da FIA o ano passado num cativante final de época em Macau, enquanto os i30 N TCR gémeos da BRC Racing Hyundai N LUKOIL Racing Team serão conduzidos por Nicky Catsburg e pelo jovem talento Luca Engstler.

Engstler, de 19 anos, já conquistou os títulos do TCR Asia e a da Malásia, uma vitória no altamente competitivo TCR Europe e fez a sua estreia na Taça do Mundo de Carros de Turismo da FIA este ano. Ele consegue esta oportunidade na Corrida da Guia Macau no lugar de Augusto Farfus Jnr, que irá defender a sua coroa na SJM Taça GT Macau – Taça do Mundo de GT da FIA.

A ofensiva da Honda na Taça do Mundo de Carros de Turismo da FIA este ano tem sido liderada por Esteban Guerrieri, que conduz um dos Honda Civic Type R TCR da ALL-INKL.COM Münnich Motorsport. A célebre vitória no final de temporada de 2018 em Macau provocou uma onda de emoções a Guerrieri, que este ano faz equipa com o compatriota argentino Nestor Girolami.

Outro anterior vencedor, Tiago Monteiro, faltou à Corrida da Guia Macau no ano passado, visto que deu prioridade à recuperação total da sua lesão, algo que um dos favoritos à vitória em Macau conseguiu com sucesso esta época. O piloto português – que corre ao lado de Attila Tassi na equipa KCMG Honda – mostrou que também não perdeu velocidade, obtendo uma primeira vitória emocional em frente ao seu público no início deste ano em Vila Real.

A marca chinesa Lynk & Co é uma nova adição à grelha de partida da Taça do Mundo de Carros de Turismo da FIA este ano pelas mãos da equipa Cyan Racing. Thed Björk fez história na prova de abertura de temporada, tornando-se o primeiro piloto a vencer uma corrida de nível mundial, sancionada pela FIA, com um carro chinês. Ele e o seu companheiro de equipa, Yvan Muller, por quatro vezes campeão do mundo de carros de turismo e por duas vezes vencedor em Macau, em 2012 e 2013, venceram por múltiplas ocasiões esta época.

A formação de quatro carros Lynk & Co da Cyan fica completa com o tricampeão do mundo de carros de turismo, Andy Priaulx, que, como Muller, venceu anteriormente em Macau por duas vezes, em 2006 e 2007, e pelo sobrinho de Muller, Yann Ehrlacher, tendo ambos vencido corridas pela Cyan Performance Lynk & Co.

A Audi tinha “pedigree” na Corrida da Guia Macau mesmo antes da sua primeira participação na era moderna, na prova do ano passado, mas duas vitórias em três corridas sublinharam as credenciais do RS 3 LMS no circuito citadino da Guia em 2018.

A primeira dessas vitórias foi obtida por Jean-Karl Vernay, que este ano se manteve na estável formação de pilotos da equipa WRT, junto na escuderia Leopard Racing Team Audi Sport com Gordon Shedden, por três vezes campeão do campeonato britânico de carros de turismo, enquanto o vencedor da segunda corrida, Frédéric Vervisch, será acompanhado pelo holandês Niels Langeveld na Comtoyou Team Audi Sport.

A Comtoyou também representa a marca Cupra este ano e o seu par de carros que corre sob a bandeira da DHL Team Cupra Racing são conduzidos pelo popular Tom Coronel e por Aurélien Panis. A representação complementar da Cupra vem na forma da equipa sueca PWR Racing, que inscreve Daniel Haglöf e o “rookie” sensação Mikel Azcona.

Ma Qing Hua tem sido a revelação nos Alfa Romeo Giulietta Veloce do Team Mulsanne esta época, tendo vencido uma corrida e obtido três outros pódios. O piloto chinês, que faz equipa com Kevin Ceccon, também espera superar o seu melhor resultado final, um oitavo lugar.
Aos 26 carros regulares da temporada vão se juntar em Macau seis “wildcards” – a maior inscrição extra da temporada.

Lista de Inscritos – CLIQUE AQUI

Deixe um comentário

Please Login to comment
  Subscribe  
Notify of
últimas VELOCIDADE
últimas Autosport