Open de Velocidade Portugal: Fábio Mota e Bruno Pires azarados

Por a 15 Setembro 2020 14:59

Fábio Mota e Bruno Pires não tiveram o melhor dos fins de semana, na ronda de Braga do Campeonato Open de Velocidade de Portugal. Depois de um acidente nos testes, o Porsche 997 GT3 Cup esteve bem no sábado, mas no domingo problemas técnicos obrigaram ao abandono.

Na primeira corrida, Bruno Pires (que faz dupla com Fábio Mota) garantiu o segundo posto à geral e a vitória na classe G2. Mas, na segunda corrida, Fábio Mota este pouco tempo em pista, com o tubo do radiador danificado logo na qualificação. Assim, com a impossibilidade de reparação para a corrida, o fim de semana da dupla do carro alemão ficou por aí.

Evidentemente Mota estava desapontado com o desfecho da ronda no Circuito Vasco Sameiro: “Esta passagem por Braga foi muito difícil, mas salva-se o segundo lugar da primeira corrida. Penso que poderíamos lutar pela vitória na classe G2 nas corridas de domingo, mas acabámos por ficar de fora logo na primeira volta do dia. O automobilismo por vezes pode ser muito duro. Hoje, coube-nos a nós ter o azar”.

“Temos de lidar com fins de semana assim e trabalhar para regressar ainda mais fortes. Fomos competitivos enquanto estivemos em pista e, depois da corrida de sábado, estávamos na liderança do campeonato absoluto. Estamos ansiosos pelo próximo evento para podermos recuperar e voltar à luta pelo campeonato”, concluiu o piloto de Vila Nova de Gaia.

Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Open de Velocidade
últimas Autosport