DTM, Spa-Francorchamps: Nico Müller domina primeira corrida

Por a 1 Agosto 2020 15:59

Nico Müller (Audi RS5 DTM) foi o primeiro vencedor de 2020 no DTM. No circuito belga de Spa-Francorchamps, o piloto suíço da Audi dominou e alcançou a vitória no dia nacional do seu país. Atrás de Müller ficaram Jamie Green (Audi RS5 DTM) e Loïc Duval (Audi RS5 DTM).

No início da corrida, Robin Frijns (Audi RS5 DTM) liderou o pelotão a partir da pole position, com Nico Müller a ocupar o segundo lugar. Apesar de uma vantagem inicial, Frinjs foi perdendo tempo para Müller, com o suíço a passar para a liderança na quarta volta da corrida. A partir daí, mais ninguém ‘tocou’ no piloto da Audi.

Atrás, René Rast (Audi RS5 DTM) teve problemas com os seus pneus nesta primeira corrida. O piloto alemão, campeão em título, teve de parar por duas vezes, hipotecando uma possível luta pelo pódio. Acabou por terminar na quinta posição, atrás de Mike Rockenfeller (Audi RS5 DTM)

Jamie Green, que se qualificou em 11º, fez uma corrida impressionante. Foi subindo vários lugar e na penúltima volta conseguiu passar por Duval pela segunda posição final.

Philipp Eng (BMW M4 DTM) foi o melhor piloto da BMW na sexta posição. Sheldon Van Der Linde (BMW M4 DTM) foi o melhor BMW na qualificação, mas problemas logo no início da corrida atiraram o sul africano para o final do pelotão, acabando mesmo por se retirar.

Já o homem da pole position não começou bem o campeonato. Frinjs acabaria por cair para a nona posição final. Jonathan Aberdein (BMW M4 DTM), que se mudou da Audi para a BMW em 2020, fechou os dez primeiros.

Fora dos dez primeiros, o filho de Adrian Newey, Harrison Newey, levou o Audi RS5 DTM até à 13º posição. Newey substituiu Ed Jones. Jones não conseguiu voar para a Alemanha, desde o Dubai, devido às restrições impostas pela pandemia da COVID-19. Robert Kubica, que este ano estreia-se num BMW M4 DTM, ficou com a 14º posição final.

Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
últimas DTM
últimas Autosport