assinaturas

Asian Le Mans Series: Algarve Pro Racing assegura lugar em Le Mans com triunfo em Sepang

Por a 22 Janeiro 2017 12:16

Depois de largarem da ‘pole-position’, Andrea Pizzitola, Andrea Roda e Aidan Read venceram as 4 Horas de Sepang, derradeira prova do campeonato Asian Le Mans Series, que este domingo se disputou naquele traçado malaio. Como resultado a Algarve Pro Racing assegurou automaticamente um convite para as 24 Horas de Le Mans deste ano. Este foi o único triunfo da temporada conseguido pela equipa com sede no sul de Portugal, com Pizzitola, Roda e Read a tirarem partido do abandono no começo da prova de Gustavo Menezes, Ho-Pin Tung e Thomas Laurent, vencedores das provas de Zhuhai e Buriram e favoritos ao título.

Problemas mecânicos obrigaram à retirada do Oreca 03R Nissan da Jackie Chan DC Racing com apenas oito voltas decorridas. Alguma confusão permitiu a Nigel Moore liderar a corrida no seu início aos comandos do Ligier JSP2 Nissan da Tockwith, mas Roda conseguiu ganhar a primeira posição na nona volta, recolocando o Ligier JPSP2 # 25 na primeira posição. A liderança mudaria oito vezes de mãos, mas sempre entre os dois carros da Algarve Pro Racing (o #24 e o #25), até os autores da ‘pole-position’ assegurarem em definitivo a primeira posição.

Já na segunda posição viriam a terminar Fabien Schiller, Struan Moore e Giorgi Maggi, no Oreca 03R Judd da Race Performance, relegado a segunda equipa da Algarve Pro Racing – Michael Munneman, Kim Tacksun e Mark Paterson – para o último lugar do pódio. Na categoria LMP3 – onde só alinharam Ligier – a vitória foi para Nigel Moore e Phil Hanson no carro da Tockwith Motorsports, que se impuseram diante de Wei Fung, Lin Hanss e Shaun Tong.

A maior surpresa ocorreu nos GT, onde o Team Audi Korea triunfou, com o R8 LMS de Alex Yoong e Marchy Lee, embora o título já estivesse assegurado antecipadamente por Stéphane Lemeret, Michele Rugolo e Mathieu Vaxiviére em Buriram (Tailândia) com o quinto posto conseguido agora em Sepang. Assim a equipa do Ferrari 488 GT3 # 5 da DH Racing – que foi atrasada por uma penalização – assegurou o convite para as 24 Horas de Le Mans. Rui Águas não foi feliz, depois de vários problemas atrasarem o Ferrari 488 GT3 # 38 da Spirit of Race, que dividiu com Marco Cioci e Nasrat Muzayyin.

Classificação final:

1.º Pizzitola/Roda/Read (Ligier JSP2 Nissan) 115 voltas
2.º Maggi/Moore/Schiller (Oreca 03 Judd) a 1.45,896
3.º Munneman/Tacksun/Patterson (Ligier JSP2 Nissan) a 1.54,010
4.º Moore/Hanson (Ligier JSP3) a 3 voltas
5.º Lin/Tong/Fung (Ligier JSP3) a 3 voltas
6.º Winslow/Cheng/Yoshida (Ligier JSP3) a 3 voltas
7.º Lee/Yoong/You (Audi R8 LMS) a 4 voltas
8.º Mastronardi/Riberas/Beretta (Ferrari 488 GT3) a 4 voltas
9.º Liu/Rizzo/Pierguidi (Ferrari 488 GT3) a 5 voltas
10.º Sun/Sawa/Griffin (Ferrari 488 GT3) a 5 voltas

Nuno Barreto Costa

assinaturas

1
Deixe um comentário

Please Login to comment
  Subscribe  
Notify of
ernie
Membro
ernie

“Na categoria LMP2 – onde só alinharam Ligier – a vitória foi para Nigel Moore e Phil Hanson”!!! Ou LMP3?

últimas Newsletter
últimas Autosport