/ralis/miguel-campos-demos-boas-indicacoes-para-disputar-um-bom-campeonato-em-2011/
Miguel Campos: “Demos boas indicações para disputar um bom campeonato em 2011” | AutoSport

Miguel Campos: “Demos boas indicações para disputar um bom campeonato em 2011”

Por a 18 Novembro 2010 12:57

Miguel Campos foi segundo classificado no Rali Casinos do Algarve, numa prova em que se esperava uma maior oposição ao vencedor, Bernardo Sousa, mas a verdade é que este foi apenas a quarta prova com o Fiesta S2000 pelo que a adaptação ao carro era um dos objetivos deste ano, já com os olhos postos em 2011.

A juntar a isso, as condições meteorológicas do passado domingo foram também uma novidade, o que ajudou a marcar a diferença. A prova do Clube Automóvel do Algarve arrancou no sábado à noite com a super especial no Autódromo Internacional do Algarve, onde a dupla Miguel Campos Aloisio Monteiro arrecadou o segundo melhor crono abrindo boas expectativas para o segundo dia de rali. Agendadas mais sete especiais de classificação para domingo, com passagens pelos troços de Alferce, Corchas e Fóia, onde a chuva predominou durante toda a manha vinham a ditar a classificação final para a dupla, segundo lugar a geral:

“Fomos ao Algarve com o Fiesta a busca de um resultado idêntico ao de Mortágua, mas também com objetivo de preparar a época de 2011 onde a RMC quer continuar apostar no Miguel Campos e no Aloisio Monteiro. Infelizmente o Miguel nunca teve oportunidade de testar o carro em chuva e isso veio a condicionar a sua prestação. Vamos trabalhar para 2011”. Afirma Roberto Mendez.

Para Miguel Campos este rali apresentou-se como um teste importantíssimo, para se decidir o próximo ano: “Foi um rali de aprendizagem, pois tanto eu como o Aloísio só tínhamos feito testes no carro em seco, desde a primeira etapa nunca me senti a vontade com a escolha de pneus e isso veio a condicionar o meu andamento. Perdemos muito tempo logo nas primeiras especiais devido ás más escolhas, apostamos em pneus mistos e no inicio do primeiro troço chovia torrencialmente, após estas especiais com estes pneus menos adequados nada podíamos fazer pois perdemos demasiado tempo, que muito dificilmente poderia ser recuperado.”

“Gostava de agradecer a toda a equipa porque dentro de todas as suas possibilidades sempre fizeram o máximo, e também dar os parabéns ao Aloísio pela boa adaptação mostrando que está cada vez mais á vontade com todas a novas situações que vão aparecendo no desenrolar dos ralis, acho que se nos apoiarem temos boas indicações para disputar um bom campeonato 2011”, referiu Miguel Campos.

Para Aloísio Monteiro este rali foi bastante importante: “acho que este rali deu para tirar algumas lições, sabemos que temos muito trabalho pela frente, não só nós mas toda a equipa pois este carro ainda esta muito aquém da concorrência. Temos que trabalhar muito com a RMC a fim de tentar desenvolver o carro para no próximo ano estarmos mais competitivos. Gostaria de agradecer a RMC e especialmente ao Roberto e obviamente a todos os nossos patrocinadores”.

 

últimas Ralis
últimas Autosport
ralis