Aloísio Monteiro: “a verdade desportiva deste CPR está já em causa”

Por a 20 Setembro 2023 10:04

Já algo corria no ar em Chaves, inicialmente em surdina, mas Aloísio Monteiro, líder da The Racing Factory, acabou por expressar publicamente o que lhe vai na alma relativamente a coisas que se passaram em Chaves, na penúltima prova do CPR. Como todos sabemos, Armindo Araújo e Luís Ramalho, campeões nacionais em título, lutaram até ao último metro pelo triunfo na prova, garantindo o 2º lugar, e vão para a Marinha Grande como um dos fortes candidatos a ser campeões.

De acordo com um comunicado da The Racing Factory, Aloísio Monteiro mostra bem a sua indignação quanto ao que se passou. No texto da equipa lê-se: “Ao ataque desde o quilómetro inicial, Armindo Araújo assumiu-se como o primeiro líder do rali e transformou-se num dos dois protagonistas de um duelo incessante pela vitória, com a diferença entre ele e Kris Meeke a nunca ser superior a 7,8 segundos e a liderança a mudar de dono cinco vezes ao longo das 10 classificativas da prova.

A atribuição de tempos administrativos na Power Stage, correspondente à segunda passagem por uma especial onde, na passagem inaugural, Armindo Araújo tinha sido mais rápido, bem como a anulação, já depois da prova ter terminado, de um controlo horário onde o seu adversário direto entrou por avanço, a exemplo de outros pilotos, o que, obrigatoriamente e em condições normais de cumprimento escrupuloso do regulamento, o penalizaria fortemente, acabaram por ser fatores que prejudicaram a possibilidade de Armindo Araújo vencer a prova, conseguindo, mesmo assim um excelente 2º lugar, o que coloca a dupla da The Racing Factory com reais possibilidades de ir ao Rali Vidreiro disputar a revalidação do título.”

No final, Aloísio Monteiro, CEO da TRF, acabou mesmo por mostrar tanto a sua satisfação como a indignação pelo que entende não ter sido bem feito pela organização da prova: “Estamos obviamente muito orgulhosos com a demonstração de capacidade e competitividade da nossa equipa e dos nossos pilotos. O Armindo voltou a provar que é um piloto com um ritmo de Mundial e merecia a vitória, sem qualquer dúvida.

Quanto ao Victor Senra, foi um orgulho para a equipa tê-lo connosco e foi um prazer ver como foi capaz de ombrear com os melhores pilotos nacionais, mesmo sem conhecer o carro e o rali.

Mas, não podemos deixar de expressar a nossa indignação com tudo o que sucedeu e com as decisões tomadas que, no nosso entender, falsearam a verdade desportiva e prejudicaram de forma clara o Armindo, o Luís e a nossa equipa.

Tudo tentamos para fazer ver à organização quão errado estava a ser a sua atuação, infelizmente sem sucesso. Resta-nos agora analisar e agir consoante a regulamentação nos permita, junto das autoridades. Mas, aconteça o que acontecer, a verdade desportiva deste campeonato está já em causa!”

Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Já não é mais possível o Autosport continuar a disponibilizar todos os seus artigos gratuitamente.
Para que os leitores possam contribuir para a existência e evolução da qualidade do seu site preferido, criámos o Clube Autosport com inúmeras vantagens e descontos que permitirá a cada membro aceder a todos os artigos do site Autosport e ainda recuperar (varias vezes) o custo de ser membro.
Os membros do Clube Autosport receberão um cartão de membro com validade de 1 ano, que apresentarão junto das empresas parceiras como identificação.
Lista de Vantagens:
-Acesso a todos os conteúdos no site Autosport sem ter que ver a publicidade
-Oferta de um carro telecomandado da Shell Motorsport Collection (promoção de lançamento)
-Desconto nos combustíveis Shell
-Acesso a seguros especialmente desenvolvidos pela Vitorinos seguros a preços imbatíveis
-Descontos em oficinas, lojas e serviços auto
-Acesso exclusivo a eventos especialmente organizados para membros
Saiba mais AQUI
Subscribe
Notify of
5 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
jvnsousa2021_gmail_com
jvnsousa2021_gmail_com
9 meses atrás

Podias ter feito um comunicado e já agora um pedido de desculpas, quando abalroaste um concorrente no Estoril !!!

Focus F1
Focus F1
9 meses atrás

Já agora, afinal quais são as pontuações do CNR?
Sempre atribuiram pontos na PS?

mindgamesracing
mindgamesracing
9 meses atrás

“O Armindo voltou a provar que é um piloto com um ritmo de Mundial”
Rali Portugal 2023 (329,06 kms de PECs)
1.º Gus Greensmith 3:44:55.1
11.º Lauri Joona 3:51:46.4
12.º Armindo Araújo 3:55:44.8
Armindo Araújo +10:49.7 que Greensmith (1.97segundos por km)
Armindo Araújo +3:58.4 que Joona (0,72 segundos por km)

ilidio-duartesapo-pt
ilidio-duartesapo-pt
9 meses atrás

Parece que o ASport não ouviu as outras partes envolvidas o que, como órgão de comunicação social, não se compreende!!!… prestação de serviços à TRF?? !!!… não quero pensar nisso!! Num assunto desta gravidade onde o autor do comunicado dispara contra tudo e contra todos chamando a si toda a razão, não me parece razoável que o ASport se limite a publicar aquele comunicado. Mesmo sem ouvir as outras partes, aconselho a leitura do comentário do José Silva no grupo dos ralis no Face….

mindgamesracing
mindgamesracing
Reply to  ilidio-duartesapo-pt
9 meses atrás

Caríssimo,
Isso de ouvir “as partes envolvidas” antes de publicar, é como referiu um exercício de JORNALISMO”…
Aqui é mais engolir sem mastigar e depois não sabem o que estão a comer!
Nem acredito que seja má fé.

últimas CPR - CAMPEONATO DE PORTUGAL DE RALIS
últimas Autosport
cnr-campeonato-nacional-de-ralis
últimas Automais
cnr-campeonato-nacional-de-ralis
Ativar notificações? Sim Não, obrigado