Autocross é rei na República Checa

Por a 16 Abril 2008 15:15

A República Checa é, por tradição, o país onde o Autocross tem uma repercussão mais elevada, atingindo quase o estatuto de desporto nacional. Numa qualquer lista de inscritos de uma prova do Europeu os concorrentes checos são invariavelmente a maioria. Em Foz Côa, entre 58 inscritos, 16 eram oriundos daquele país, seguindo-se a Holanda com oito representantes.

O campeão da Divisão 3A, Ladislav Hanak, atribui o sucesso do Autocross na República Checa ao espírito criativo e empreendedor dos seus habitantes: “No meu país, toda a gente gosta de fazer os seus próprios carros – não compramos quase nada fora. Os chassis são construídos pelos próprios pilotos e mecânicos. Os engenheiros só ajudam nos motores e caixas de velocidades”.

O campeonato local tem inclusive provas destinadas a crianças, os chamados Racer Buggy onde estão pilotos dos 5 aos 10 anos, ou os Junior Buggy onde as idades oscilam entre os 10 aos 18 anos.

Para além disso, o clube automóvel checo apoia fortemente os pilotos locais através do “Czech National Team”. Para esta selecção dos melhores pilotos checos é convidado qualquer concorrente que tenha obtido bons resultados correndo por conta própria no Europeu.

“Os apoios podem representar até um terço do orçamento de uma época”, refere Hanak. Petr Bartos, Jaroslav Hosek, Petr Turek e o próprio Hanak são exemplos de pilotos que foram campeões da Europa correndo pela equipa nacional checa.

últimas MAIS MOTORES
últimas Autosport
Lost your password? Please enter your username or email address. You will receive a link to create a new password via email.
Nós não partilhamos os seus dados pessoais com ninguém.