Takahiro Hachigo: “Quero ganhar o Mundial de F1 com a Red Bull no próximo ano”

Por a 14 Novembro 2019 09:19

Takahiro Hachigo, CEO da Honda aponta para o título mundial de Fórmula 1 com a Red Bull em 2020. Numa altura em que existe alguma incerteza não só sobre o compromisso da Honda com a Fórmula 1 para 2021 e além, mas também com outros construtores, como é o caso da Renault e Mercedes, Takahiro Hachigo entende que já existem condições para apontar a títulos: “Após o nosso regresso à Fórmula 1 em 2015, tivemos quatro anos difíceis. Isso magoou-nos muito. Este ano, já vencemos a nossa primeira corrida na Áustria, e estou muito satisfeito com isso. Também vencemos na Alemanha, enquanto o Daniil Kvyat, com outro motor Honda, ficou em terceiro” disse Hachigo que se mostrou igualmente satisfeito com o facto de um piloto japonês ter dado mais um passo rumo à F1: “Em Suzuka, Naoki Yamamamoto foi autorizado a fazer a sessão de treinos e foi um grande momento para todos os japoneses. Agora quero ganhar o campeonato do Mundo com a Red Bull no próximo ano”, disse um otimista Takahiro Hachigo ao jornal desportivo brasileiro Lance. Helmut Marko, consultor da Red Bull, diz que está à espera de uma decisão sobre o compromisso da Honda em 2021.

Para além da incerteza da Honda, há também rumores que referem que a nova CEO interina da Renault, Clotilde Delbos está a considerar tirar o tapete à Renault F1, embora a verdade é que o que disse foi que toda a estratégia da marca francesa iria ser colocada na mesa, logicamente, incluindo a F1, não significando isso que estão mais para sair do que para ficar.
Por fim, a Mercedes, já que Toto Wolff revelou recentemente que “não é um dado adquirido” que a Mercedes permaneça no campeonato do Mundo de F1 em 2021. Provavelmente, mais pressão política do que outra coisa qualquer.

7
Deixe um comentário

Please Login to comment
  Subscribe  
Notify of
últimas F1
últimas Autosport
Lost your password? Please enter your username or email address. You will receive a link to create a new password via email.