Red Bull ameaça sair da Fórmula 1

Por a 21 Abril 2017 09:58
Red-Bull

Não é a primeira vez que acontece, e curiosamente a razão são novamente os motores. Em entrevista ao site oficial da Fórmula 1, o consultor da Red Bull, Helmut Marko disse que a FIA e os novos responsáveis da F1 vão ter que encontrar uma solução para os motores, que contemple um construtor não ligado a uma marca, e se isso não suceder a Red Bull pode sair da Fórmula 1.

A tática já não é nova. Ler-se que a Red Bull pode estar a considerar deixar a Fórmula 1 é um “assunto” muito forte e por isso Helmut Marko, como é habitual, “largou a bomba”. Não é novidade para ninguém que os austríacos continuam incomodados com a vantagem que deixaram de ter depois do período 2010-2013, mas esta é novamente a utilização duma arma com pólvora seca, ainda que isso possa mudar no futuro. Portanto, a ameaça atual é só pressão política mas, se for mantida a ausência de perspetivas que a situação melhore no curto prazo há uma coisa que todos temos de estar cientes: ao contrário da Ferrari, McLaren ou Williams – marcas que para alem da sua participação no Mundial de Formula 1 têm outras divisões empenhadas na indústria automóvel, suficientemente lucrativas para até suprirem alguns problemas financeiros das suas equipas de competição – a Red Bull está na Fórmula 1 apenas por uma questão de marketing e poderá abandonar os Grande Prémios quase a qualquer momento, leia-se no final de um época desportiva. Pode, mas dificilmente o fará. Pelos motivos que explicamos à frente.

Bastará que na Áustria se chegue à conclusão que a participação nos Grande Prémios já não ajuda a vender o produto da marca de bebidas energéticas ou que a equipa registe uma quebra de receitas comerciais por falta de resultados e/ou perda de patrocinadores e Mateschitz poderá muito bem dar ordem para vender as estruturas de Milton Keynes e de Faenza.

Mas a saída de cena da Red Bull nunca implicaria o fecho da equipa, até porque isso representaria um enorme prejuízo para Mateschitz e o austríaco só virará as costas à Fórmula 1 se lhe aparecer um comprador com meios para assumir uma das estruturas mais avançadas do Mundial. A equipa que começou como Stewart Grand Prix, foi Jaguar Racing e é, há 13 anos, a Red Bull Racing, não irá desaparecer se Mateschitz se cansar da Fórmula 1, mas poderia passar a existir sob outra denominação. Como aconteceu com a Jordan, que foi Midland e Spyker antes de ser Force India; como foi o caso da Toleman, que passou a Benetton, Renault, Lotus e é agora Renault outra vez; ou como foi a Minardi, desde há 12 anos denominada Toro Rosso. E como poderá acontecer a curto prazo com a Sauber, se os suíços continuarem a revelar-se completamente incapazes de encontrarem patrocinadores para a sua equipa.

A verdade é que a Red Bull não tem mesmo grandes alternativas. Em 2015, a Mercedes, a Ferrari e a Honda (depois da nega de Ron Dennis) nunca se mostraram interessadas em colocar em risco as suas equipas de ponta com a venda de motores à Red Bull e a construção dum motor próprio em Milton Keynes, mesmo se projetado por um génio como Mario Illien, teria custos muito elevados e teria também dificuldades em ser bem sucedida face à complexidade dos sistemas que são utilizados atualmente. Para além disso há ainda a questão financeira, que é complexa, por isso a única alternativa disponível é a de pressionar a FIA/Liberty Media o mais possível, mas dada a passividade de que Jean Todt tem dado mostras desde que foi eleito há sete anos, não será por ai que a Red Bull irá conseguir atingir os seus intentos.

“Em 2021 a F1 deve ter um construtor independente de motores” disse Marko. “Isto é mais do que necessário e esse motor tem que ser simples, barulhento e e custar menos que 10 milhões de euros. Estamos a falar de um motor muito menos sofisticado que os atuais, um motor de corridas simples. Há várias empresas no mundo automóvel capazes de o fazer. Portanto o que esperamos dos novos donos da F1 é que conjuntamente com a FIA encontrem uma solução no máximo até ao final desta época desportiva. Se isso não suceder, a nossa permanência na F1 para lá de 2020 não é segura” disse Marko.

Deixe um comentário

14 Comentários em "Red Bull ameaça sair da Fórmula 1"

Ordenar por:   recente | antigo | mais votado
kiotto_9
Membro

Bye…..

dumberdog
Membro

Bla Bla Bla….

V8_scars
Membro
Ficamos já a saber que a RB atirou a toalha no que respeita a época 2017. Já em 2014 quando as coisas lhes correram menos bem atiraram com as culpas para o motor e lá foram fazendo ameaças de sair da F1. No(s) ano(s) seguinte(s) como já estavam perto do topo a ideia de sair desapareceu misteriosamente (?). Estas jogadas politicas só trazem prejuízo para a, já fraca, imagem da F1, e não ajudam em nada o desporto. Espero que a RB se mantenha por muitos anos no campeonato, já poucas são as equipas à partida de cada GP, perder… Ler mais »
MiguelCosta
Membro

Parece aqueles putos na escola que são os donos da bola e se as coisas não forem como eles querem… Ninguém joga! Se forem embora tem de vender a estrutura toda o que não se afigura barato, é preciso alguém com muito dinheiro e muita vontade de ter uma equipa com uma estrutura de ponta na F1, mas… Há sempre a hipótese do papá Stroll comprar uma das equipas para dar ao filho!

maldonado
Membro

Esta gente da red bull não passam de uns grandes chorões.
Quando dominaram 4 anos nem piavam agora como como já não dominam só sabem fazer ameaças.

can-am
Membro

Force India por arames.
Sauber por arames
Mclaren por arames.
Red Bull com pouca vontade de continuar.
Williams em decadência.
Meus amigos a doença é mesmo grave, embora se continue a assobiar para o lado. A F1 não passa hoje em dia duma caixa quase vazia, muito bem embrulhada e vendida…como se tivesse cheia de diamantes !

kmsdigitais
Membro

Os actuais donos da F1 que (ainda) conseguem vender este produto (Formula1 actual) está a um nível muito superior à aquele tipo que vendia arcas frigoríficas no Polo Norte 🙂

Pity
Membro

Outra vez a mesma cantiga. Só que se esquecem, porque não lhes interessa, que as outras equipas, metade delas, pelo menos, também lá estão para ganhar.

genesis
Membro

já vi esta novela quantas vezes ??????

iceman7
Membro

Todt ajuda-nos que estamos à deriva!!
Temos saudades do Bernie!!

Seven
Membro

Que construtor é esse, que daqui a 5 anos estaria disposto a publicidade sobre a sua capacidade de projectar e produzir motores simples e barulhentos e agora acrescento eu, vetustos, ultrapassados e iminentemente obsoletos na indústria?!…
Que atestado de (in)competência isso passaria ao construtor?
Na minha humilde opinião, a evolução para as unidades híbridas não terá inversão.
Como habitualmente. serão os custos que baixarão paulatinamente na directa proporção da banalização desta tecnologia.

mario
Membro

A FIA já tentou isso com os cosworth , não resultou em termos de desempenho. A red bull quer um motor de marca branca melhor que a Renault? O problema é que a Mercedes só devia vender motores, a única marca que esteve historicamente como construtor é a Ferrari.

frenando_afondo
Membro

Outra vez? Devem querer ficar à rasca para a época de 2018 outra vez, pelos vistos. Da última vez que ameaçaram sair, ninguém lhes ligou nenhuma e foram obrigados a ficar com os motores em que tanto cuspiram.

Se estão assim tão incomodados, a porta é ali ->

flavio-1982
Membro
Mas porque é que estes tipos não se dedicam mas é a construir um carro que os faça ganhar corridas em vez de virem ameaçar que vão embora, ou dizer que as t wings deviam ser banidas, etc, etc, só querem ganhar? Já ganharam é verdade mas e depois, sempre que ficaram para trás a culpa é sempre dos outros. Bem se olhassem ao que uma equipa como a force Índia faz com o orçamentado limitado que tem talvez ganhassem vergonha na cara. A Williams e a McLaren também estão a passar uma fase não ganhadora e não é por… Ler mais »
wpDiscuz
últimas F1
últimas Autosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/motosport.png

Facebook

Instagram

Follow Me on Instagram
  • #Goodwood #Porsche #73MM

    autosport_oficial: "#Goodwood #Porsche #73MM
"
    146
    3
  • Close Calls... #autosport #closecalls

    autosport_oficial: "Close Calls...
#autosport #closecalls"
    87
    5
  • F3 Crash 💥 #carcrash #f3

    autosport_oficial: "F3 Crash 💥
#carcrash 
#f3"
    43
    0
  • Lewis Hamilton getting ready for Brazil GP @f1 @lewishamilton 🏁👊🏻 #racing #f1 #brasil

    autosport_oficial: "Lewis Hamilton getting ready for Brazil GP
@f1 @lewishamilton 🏁👊🏻
#racing #f1 #brasil"
    46
    2
  • MINI with 12 Cars for the New Dakar Edition 👏 @mini @dakarrally #Dakar #Mini

    autosport_oficial: "MINI with 12 Cars for the New Dakar Edition 👏
@mini @dakarrally 
#Dakar 
#Mini"
    43
    0
  • World Endurance Championship 🏁 #WEC

    autosport_oficial: "World Endurance Championship 🏁

#WEC"
    37
    0
  • Surtes & Parkes, Ferrari 330 P3 Spyder Nurburgring, 1000KM #Ferrari #Nurburgring

    autosport_oficial: "Surtes & Parkes, Ferrari 330 P3 Spyder
Nurburgring, 1000KM

#Ferrari
#Nurburgring"
    38
    1
  • Porsche 911 #Porsche #911

    autosport_oficial: "Porsche 911
#Porsche #911"
    27
    0
  • Porsche 911, 12 Hours of Sebring

    autosport_oficial: "Porsche 911, 12 Hours of Sebring"
    20
    0
  • Nurburgring, 24h 1972 #Vintage #vintagemotorsport

    autosport_oficial: "Nurburgring, 24h
1972
#Vintage #vintagemotorsport"
    29
    1