/formula1/f1/gp-qatar-formula-1-curva-6-fez-a-diferenca-entre-red-bull-e-mercedes/
GP Qatar, Fórmula 1: Curva 6 fez a diferença entre Red Bull e Mercedes | AutoSport

GP Qatar, Fórmula 1: Curva 6 fez a diferença entre Red Bull e Mercedes

Por a 24 Novembro 2021 15:50

Max Verstappen teve uma corrida de contenção de danos. Os Mercedes pareceram quase sempre mais rápidos que os Red Bull e depois da penalização aplicada após a qualificação, não havia muito que o piloto neerlandês conseguisse fazer para bater o rival na luta pelo título. Conseguiu terminar no segundo posto e acrescentar mais um ponto da volta mais rápida à sua contabilização, um resultado bom para aquilo que aconteceu no fim de semana. 
Christian Horner acredita que a curva 6 do circuito de Losail foi o principal ponto de desvantagem da Red Bull para a Mercedes, pormenor que a equipa está interessada em analisar antes do próximo GP. 
“Penso que há uma curva que nos diferenciou durante o fim de semana e foi a curva 6”, afirmou o responsável da Red Bull. “Perdemos duas décimas por volta de sexta-feira a domingo naquela curva e penso que é uma das coisas que precisamos compreender e ver onde precisamos de melhorar”
Andrew Shovlin, da Mercedes, confirmou este facto a que Horner se referiu. “Em algumas pistas recentes temos estado a igualar a Red Bull nas curvas e a extrair mais nas retas, mas no Qatar acabou por ser o contrário. Estávamos a igualá-los em reta  e a encontrar tempo nas curvas (…). Os nossos pilotos tinham um equilíbrio com o qual estavam muito satisfeitos, tinham estabilidade na entrada das curvas, podiam atacar a curva e ter mais velocidade, ficou demonstrado isso com a volta fantástica de Lewis para a pole position”.
Anteriormente a Mercedes afirmou que Jidá pode favorecer os seus carros e após a corrida de Losail, Horner reconheceu isso mesmo, mas acredita que as alterações efetuadas no circuito de Yas Marina, que recebe a última prova do ano, talvez possam ajudar os seus carros. “A pista seguinte deverá favorecer a Mercedes, Abu Dhabi com as modificações feitas, quem sabe?”

Subscribe
Notify of
5 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
RogerM
RogerM
7 dias atrás

O Hamilton claramente estava a controlar o gap para o Verstappen no GP do Qatar. A Red Bull se não tiver resposta para a Mercedes no próximo GP da Arábia Saudita, deveriam pedir à Honda um mapeamento de motor para o GP de Abu Dhabi de tal maneira agressivo, que até possivelmente não chegaria ao final da corrida. Assim acabariam em grande estilo, ao invés de perder um campeonato pro poucos pontos e sem grandes argumentos para a Mercedes.

Frenando_Afondo™
Frenando_Afondo™
7 dias atrás

Estou surpreendido Horner não ter dito que perderam tempo na curva 6 por causa da asa batoteira e o motor super batotoeiro e o Hamilton ter usado umas luvas especiais ilegais e os pneus também estarem todos ilegais e o carro todo ser totalmente ilegal e race ban race ban.

Last edited 7 dias atrás by Frenando_Afondo™
RogerM
RogerM
Reply to  Frenando_Afondo™
7 dias atrás

Em que ficamos? Não era então a Red Bull que tinha o “melhor carro”, “carro superior”…entre outras baboseiras?

filano
filano
Reply to  RogerM
7 dias atrás

Ter o melhor ou pior carro é muito relativo porque nenhum de nós tem bases para o afirmar com exatidão, podemos opinar baseado em opiniões empíricas, o que me parece é que o mercedes tem mais motor e menos chassi, o RB ao contrário , o que é óbvio é que as vantagens repartem-se em algumas pistas… Os dois pilotos são excelentes acho pessoalmente que Hamilton é melhor com mais experiência o que é natural… O que é de lamentar é o “choradinho” da RBR quando ganha o Max é melhor quando perde o mercedes está ilegal … Tenham juízo… Ler mais »

Last edited 7 dias atrás by Paulo Brasil
jo02101713
jo02101713
7 dias atrás

Tinhamos portanto, a RedBull a igualar a RedBull!?

últimas F1
últimas Autosport
f1