GP Canadá F1, Toto Wolff: “Confiámos na nova unidade de potência”

Por a 9 Junho 2019 14:33

A Mercedes não vai mudar os novos motores após a falha de Lance Stroll no Grande Prémio do Canadá. O fabricante apresentou a sua mais recente especificação para todos os seis carros que utilizam as suas unidades de potência este fim-de-semana.

No entanto, a nova unidade de Stroll foi substituída pelo motor anterior depois de ter sofrido uma falha durante o TL2.

O diretor da equipa da Mercedes, Toto Wolff sentiu-se surpreso, no entanto confia na fiabilidade das novas unidades de potência:

“Foi uma surpresa para nós. Não se pode recusá-los ou fazê-los funcionar de forma diferente por causa de uma falha. Por isso temos de perceber o que aconteceu. De um modo geral, estou contente por termos introduzido um motor novo. Vamos tentar aprender a cada quilómetro.”

2
Deixe um comentário

Please Login to comment
  Subscribe  
Notify of
chicanalysis
Membro
chicanalysis

Será que finalmente chegou o tão ansiado downgrade na fiabilidade?

RogerM
Membro
RogerM

O Stroll teve problemas com uma unidade motriz nova…e ainda vêm alguns teóricos da conspiração falar da falha mecânica que o Hamilton teve influencia propositada da equipa, permitindo ao Rosberg distanciar-se na tabela de pontos. Falta de fiabilidade pode acontecer a qualquer equipa, até à Mercedes que ultimamente têm sido de longe a equipa com a unidade motriz mais fiável.

últimas F1
últimas Autosport