Fórmula 1: segundo pelotão mais forte em 2024

Por a 28 Fevereiro 2024 14:32

Tendo em conta que nos últimos anos tem havido domínio na frente da F1 e apenas uma ou duas equipas a lutar na frente – não o que sucedeu o ano passado – o AutoSport tem-se centrado também muito na competitividade do segundo pelotão onde as ‘corridas’ têm sido bem interessantes. No ano passado o 2º pelotão começou logo atrás do ‘camisa amarela’ a Red Bull, mas este ano a sensação é que existe um segundo pelotão constituído pela Ferrari, Mercedes, McLaren e talvez a Aston Martin, esta última pode cair mais para junto da Alpine, que deve estar um pouco em terra de ninguém, seguindo-se depois a Williams, Kick Sauber RB e Haas.

Um dos temas que pareceu emergir dos testes foi um sentimento de progresso por parte de todas as equipas que tentam reduzir a diferença para a Red Bull. Quer a Red Bull tenha avançado mais ou não, houve sinais encorajadores para muitos quando viram a sua própria situação.

Charles Leclerc considerou o teste do ano passado o pior da sua carreira, mas diz que desta vez foi muito melhor, pois a Ferrari melhorou a dirigibilidade e a consistência com o SF-24, permitindo-lhes construir a partir de uma base melhor.

É um tema semelhante na Mercedes, onde tanto Lewis Hamilton como George Russell afirmaram estar muito mais satisfeitos com o W15 e com a sensação de o conduzir, em comparação com o problemático W14 da época passada. Para ambas as equipas, não houve sinais de grandes problemas que precisassem de ser resolvidos após os testes, o que deverá significar a possibilidade de se concentrarem apenas nas melhorias e no desenvolvimento do carro, em vez de na resolução de problemas.

Há 12 meses, a McLaren estava em grandes apuros, com um carro que não era competitivo e que tinha sofrido problemas de fiabilidade. Foi o segundo ano consecutivo em que tiveram dificuldades na pré-época, mas estavam confiantes no seu plano de desenvolvimento e produziram uma excelente reviravolta a meio da época.

Este ano, parecem estar ainda muito ‘misturados’ atrás da Red Bull, da mesma forma que terminaram a época passada, pelo que a McLaren também parte de uma posição mais forte.

Apenas a Aston Martin não demonstrou progressos claros em comparação com o ano anterior, mas isso deve-se principalmente à dimensão do seu passo para 2023, tendo mantido a sua posição competitiva enquanto os seus principais rivais resolveram problemas óbvios.

Tudo isto faz com que as quatro equipas estejam bem posicionadas para avançar, mesmo que possam começar o ano com mais uma diferença para a Red Bull. E isso pode significar mais corridas em que há diferentes adversários na frente.

Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Já não é mais possível o Autosport continuar a disponibilizar todos os seus artigos gratuitamente.
Para que os leitores possam contribuir para a existência e evolução da qualidade do seu site preferido, criámos o Clube Autosport com inúmeras vantagens e descontos que permitirá a cada membro aceder a todos os artigos do site Autosport e ainda recuperar (varias vezes) o custo de ser membro.
Os membros do Clube Autosport receberão um cartão de membro com validade de 1 ano, que apresentarão junto das empresas parceiras como identificação.
Lista de Vantagens:
-Acesso a todos os conteúdos no site Autosport sem ter que ver a publicidade
-Oferta de um carro telecomandado da Shell Motorsport Collection (promoção de lançamento)
-Desconto nos combustíveis Shell
-Acesso a seguros especialmente desenvolvidos pela Vitorinos seguros a preços imbatíveis
-Descontos em oficinas, lojas e serviços auto
-Acesso exclusivo a eventos especialmente organizados para membros
Saiba mais AQUI
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
últimas FÓRMULA 1
últimas Autosport
formula1
últimas Automais
formula1