/formula1/f1/formula-1-aston-martin-nao-avanca-com-motores-proprios/
Fórmula 1: Aston Martin não avança com motores próprios | AutoSport

Fórmula 1: Aston Martin não avança com motores próprios

Por a 3 Dezembro 2022 17:15

A Aston Martin tem como objetivo discutir o campeonato do Mundo de construtores com as equipas de topo a médio prazo, após a aquisição de Lawrence Stroll da marca de carros de luxo britânica e da estrutura da Force India na Fórmula 1. Com um grande investimento, a Aston Martin está a fazer crescer a sua fábrica em Silverstone, assim como o número de funcionários, mas mantém-se como equipa cliente da Mercedes, sendo montadas nos seus monolugares as unidade motrizes produzidas em Brixworth pela Mercedes AMG High Performance Powertrains. Os responsáveis pela Aston Martin admitiram estudar a possibilidade de virem a produzir os seus próprios motores, mas o agora chefe de equipa de Fórmula 1, Mike Krack confirmou que esses planos não vão avançar.
“Avaliamos todos os recursos necessários, a nossa situação para os próximos anos e decidimos que estamos muito, muito satisfeitos com o nosso atual fornecimento de unidades motrizes com o nosso parceiro, e decidimos não dar seguimento”, explicou Krack.
Isto significa que a Aston Martin continuará com a parceria com a Mercedes.

Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Infelizmente o Autosport não pode continuar a disponibilizar os seus artigos gratuitamente.
Já não é viável ter uma equipa de jornalistas profissionais sem que possamos vender o produto do nosso trabalho.
Tal como os jornais e revistas são pagos, também os conteúdos editoriais digitais terão que ser pagos.
Por favor subscreva o Autosport Exclusivo e ajude-nos a manter esta máquina em andamento!
São apenas 2€ por mês, subscreva agora AQUI
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Infelizmente o Autosport não pode continuar a disponibilizar os seus artigos gratuitamente.
Já não é viável ter uma equipa de jornalistas profissionais sem que possamos vender o produto do nosso trabalho.
Tal como os jornais e revistas são pagos, também os conteúdos editoriais digitais terão que ser pagos.
Por favor subscreva o Autosport Exclusivo e ajude-nos a manter esta máquina em andamento!
São apenas 2€ por mês, subscreva agora AQUI
últimas FÓRMULA 1
últimas Autosport
formula1
últimas Automais
formula1