/formula1/f1/f1-sergio-perez-conquista-a-segunda-pole-position-consecutiva-no-gp-da-arabia-saudita/
F1: Sergio Pérez conquista a segunda pole position consecutiva no GP da Arábia Saudita | AutoSport

F1: Sergio Pérez conquista a segunda pole position consecutiva no GP da Arábia Saudita

Por a 18 Março 2023 18:05

Sem o favorito à conquista da pole position de fora por problemas técnicos no RB19, a ausência de Max Verstappen na Q3 abriu caminho aos seus adversários. Entre os candidatos estavam Sergio Pérez e Fernando Alonso. Charles Leclerc, que se mostrou mais rápido do que nas sessões de treino também poderia ser um candidato pelo que provou na Q1 e Q2, mas tinha sempre que cumprir 10 posições de penalização na grelha de partida por troca de centralina.

Nos últimos 12 minutos de qualificação, Sergio Pérez foi o mais rápido na sua primeira tentativa de volta rápida, batendo na altura o tempo de Leclerc. O piloto mexicano conseguiu assim a sua segunda pole position em Jidá, repetindo o feito de 2022, com o tempo final de 1:28.265s, com uma diferença de 0.155s para Leclerc e 0.465s para Alonso.

Charles Leclerc foi o segundo piloto mais rápido, mas vai arrancar para a corrida do Grande Prémio da Arábia Saudita fora dos top 10, enquanto Fernando Alonso vai arrancar ao lado de Pérez, depois de ter sido o terceiro mais rápido na Q3.

George Russell e Carlos Sainz vão partir da segunda fila da grelha de partida, seguindo-se Lance Stroll, que vinha numa volta muito rápida na sua segunda tentativa, mas ficou-se pelo sexto tempo mais rápido, e Esteban Ocon. Lewis Hamilton vai ter a companhia do estreante Oscar Piastri na partida, enquanto Pierre Gasly não esteve tão bem na qualificação como esteve nos treinos e foi o décimo piloto mais rápido da Q3, saindo de nono da grelha de partida, com Nico Hülkenberg ao seu lado e Leclerc atrás de si.

Filme da sessão:

Sem surpresa, vários carros fizeram fila para sair para a pista logo no início da Q1, com as máquinas da Williams a liderar o pelotão. As margens no treino livre três foram tão curtas, provando que qualquer perda de tempo pode significar uma queda na grelha de partida e/ou não alcançar a passagem à fase seguinte da qualificação.

Nyck de Vries foi o primeiro a cometer um exagero na Q1, tendo feito um pião no final da reta da meta, antes dos tempos começarem a ser registados na tabela.

Max Verstappen passou para a frente da logo após a sua primeira tentativa de volta rápida, com o tempo de 1:28.761s, com Sergio Pérez a meio segundo de diferença.

À entrada dos 10 minutos finais da Q1, Lando Norris cometeu um erro na entrada para a reta da meta, tocando com pneu dianteiro esquerdo no muro interior e tinha alguns problemas para conseguir uma vaga para a Q2. Também Fernando Alonso ficou em maus lençóis quando fez um meio pião na saída da curva 2, tendo que voltar a uma volta rápida logo a seguir.

No topo da tabela de tempos mantinham-se Verstappen e Pérez, com Charles Leclerc a a 0.615s do neerlandês e com Alonso a conseguir ficar com o quarto posto a 0.643s.

Nos quatro minutos finais, Logan Sargeant, que tinha visto o seu anterior registo apagado, cometeu um pequeno exagero e fez meio pião, colocando aquela zona do traçado sob bandeiras amarelas e obrigando Pierre Gasly a abortar uma volta rápida, que estava em zona de eliminação.

Sem tempo para regressar à pista depois do toque no muro de proteção, Norris estava já em zona de eliminação sem poder fazer nada para o contrariar.

A McLaren conseguiu colocar um dos seus carros na Q2, com Oscar Piastri a ser o último piloto a registar um tempo rápido que significou o 11º lugar na Q1. Eliminados estavam Yuki Tsunoda,por 0.010s, Alexander Albon, Nyck de Vries, Lando Norris e Logan Sargeant, sem tempo marcado e terminou com o carro danificado.

No final da Q1, entre Fernando Alonso, que foi o terceiro mais rápido, e Nyck de Vries, o 18º – Norris não teve oportunidade de lutar por um lugar decente e Sargeant terminou sem qualquer registo na tabela – a diferença entre os pilotos era de 1 segundo, uma nova imagem daquilo que já vimos no Bahrein e nas sessões de treino na Arábia Saudita.

Golpe de teatro na Q2

Para a Q2, Fernando Alonso foi o primeiro a abrir as “hostilidades”, colocando-se no topo da tabela de tempos com o registo em 1:28.757s, apesar de Max Verstappen e Sergio Pérez ainda não terem efetuado uma tentativa de volta rápida.

Charles Leclerc provou estar mais rápido do que nos treinos e ficou a 0.311s do tempo espanhol da Aston Martin.

Num golpe de teatro, Max Verstappen sentiu problemas no seu RB19 quando seguia na sua primeira volta rápida, tendo que vir em ritmo baixo para a box, ficando de fora do resto da sessão de qualificação. Sem Verstappen, as esperanças da Red Bull estavam apoiadas em Sergio Pérez, que ficou a 0.117s de Alonso e estava no segundo posto da tabela de tempos quando a sessão entrava nos 5 minutos finais. O favorito para a conquista da pole position ficou de fora, abrindo caminho aos seus adversários.

À entrada para as últimas tentativas, Carlos Sainz estava em má situação depois de ter cometido um exagero na chicane de Jidá e estava em zona de eliminação.

Valtteri Bottas foi o primeiro eliminado, assim como estava confirmado o mesmo para Max Verstappen, juntando-se depois Nico Hülkenberg, Zhou Guanyu e Kevin Magnussen.

Sergio Pérez conseguiu melhorar o seu anterior registo e foi o mais rápido na Q2 (1:28.635s), com o destaque para a passagem de Oscar Piastri à Q3.

Pérez foi o mais rápido na Q3

Charles Leclerc passou para o topo da tabela de tempos no final das primeiras tentativas, com exceção de Sergio Pérez. O piloto mexicano foi muito rápido e poderia estar a caminho da segunda pole position consecutiva na Arábia Saudita, com o registo mais rápido a meio da Q3, com o tempo de 1:28.265s, menos 0.492s do que o piloto monegasco da Ferrari tinha alcançado antes.

Na primeira aparição de Piastri na Q3, o piloto australiano apenas completou a primeira volta rápida. ficando com o décimo registo, melhorando-o um pouco depois e fazendo um tempo mais rápido do que Pierre Gasly.

Hamilton deverá ficar desapontado por não melhorar na segunda tentativa, tendo sido mais lento quatro décimos do que Russell e partindo da sétima posição.

No final, Pérez não precisou de terminar a sua última volta rápida, porque Leclerc não melhorou e ninguém à sua frente fez um tempo mais rápido do que o seu anterior registo.

Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Já não é mais possível o Autosport continuar a disponibilizar todos os seus artigos gratuitamente.
Para que os leitores possam contribuir para a existência e evolução da qualidade do seu site preferido, criámos o Clube Autosport com inúmeras vantagens e descontos que permitirá a cada membro aceder a todos os artigos do site Autosport e ainda recuperar (varias vezes) o custo de ser membro.
Os membros do Clube Autosport receberão um cartão de membro com validade de 1 ano, que apresentarão junto das empresas parceiras como identificação.
Lista de Vantagens:
-Acesso a todos os conteúdos no site Autosport sem ter que ver a publicidade
-Oferta de um carro telecomandado da Shell Motorsport Collection (promoção de lançamento)
-Desconto nos combustíveis Shell
-Acesso a seguros especialmente desenvolvidos pela Vitorinos seguros a preços imbatíveis
-Descontos em oficinas, lojas e serviços auto
-Acesso exclusivo a eventos especialmente organizados para membros
Saiba mais AQUI
Subscribe
Notify of
8 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
leandro.marques
11 meses atrás

Parece-me que depois de hoje haverá mais gente a gostar de F1 novamente. As épocas são longas e azares mecânicos ou lesões ou acidentes podem acontecer mudando tudo. As vezes parece que as pessoas só vêm F1 há dois dias…

Lisboa
11 meses atrás

Num circuito rápido como este, em 10 voltas já o Max está no top3.

GuiMoreiraMclaren
GuiMoreiraMclaren
11 meses atrás

Boa qualificação com a desistência do Max deu mais equilibrio e espetaculo, Perez a demonstrar todo o favoritismo e superioridade do Red Bull RB19 mas com uma Ferrari muito mais próxima que o previsto com o super Charles Leclerc o melhor qualifyier do grid apenas a 1 décima de distancia, afinal os ferrari andaram a fazer sandbagging os treinos livres todos, muito bom! Alonso a mostrar todo o potencial deste Aston Martin AMR23, com 41 anos é incrivel o que ele está a fazer, ninguem esperava que Alonso ainda tivesse um carro tão bom e competitivo pela primeira vez desde… Ler mais »

sr-dr-hhister
sr-dr-hhister
11 meses atrás

Esta falta de fiabilidade ultimamente é muito estranha mas bem vinda. Este campeonato, com margens tão curtas, promete. Outro acto de classe por Fernando Alonso. Se a AM conseguir evoluir este carro a um ritmo mais rápido que a RB pode muito bem lutar pelo campeonato. Até Stroll tem sido bem decente. Leclerc a esporear bem o cavalinho. Mas foi o mexicano a conquistar a pole pelo segundo ano consecutivo. Este ano parece estar mais perto de Max mas Max vai precisar de muitos azares para perder este campeonato. E na Mercedes, Russell mais uma vez a bater Hamilton. Hamilton… Ler mais »

Pity
Pity
11 meses atrás

Excelente qualificação do Norris, ficou só quatro lugares atrás do Verstappen 🙂 Deixando o modo ironia e entrando no modo sério: Foi uma qualificação gira, com quatro equipas nos quatro primeiros lugares. Azar para Verstappen mas, ao partir de 15º e Leclerc de 12º, espero uma corrida bem animada. Perez tem uma grande oportunidade de vencer. Para quem enaltece Alonso e desmerece Stroll, este ficou só a 0,215 do seu colega de equipa, o que prova que ele não é tão mau piloto como o querem pintar. A Mercedes ficou um pouco mais próxima dos lugares da frente, mas quem… Ler mais »

sr-dr-hhister
sr-dr-hhister
Reply to  Pity
11 meses atrás

Stroll nunca foi um mau piloto mas, como disse a semana passada, é bastante frustrante de acompanhar. Ora faz um brilharete, ora faz asneira da grossa e ao longo dos anos as arestas continuam afiadas. Também é injustamente julgado por ter o pai que tem, isto porque a plebe não faz ideia do que é sentir a pressão de ser alguém quando se é filho de algo. E é mais fácil arranjar motivação quando não se tem nada do que quando se tem tudo. O lugar dele na F1 é merecido. Agora, é um futuro campeão? Não lhe vejo fibra… Ler mais »

Pity
Pity
Reply to  sr-dr-hhister
11 meses atrás

Fibra de campeão, não tem, mas pode ser um segundo piloto bastante razoável.

sr-dr-hhister
sr-dr-hhister
Reply to  Pity
11 meses atrás

Isso sempre foi. 🙂

Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Já não é mais possível o Autosport continuar a disponibilizar todos os seus artigos gratuitamente.
Para que os leitores possam contribuir para a existência e evolução da qualidade do seu site preferido, criámos o Clube Autosport com inúmeras vantagens e descontos que permitirá a cada membro aceder a todos os artigos do site Autosport e ainda recuperar (varias vezes) o custo de ser membro.
Os membros do Clube Autosport receberão um cartão de membro com validade de 1 ano, que apresentarão junto das empresas parceiras como identificação.
Lista de Vantagens:
-Acesso a todos os conteúdos no site Autosport sem ter que ver a publicidade
-Oferta de um carro telecomandado da Shell Motorsport Collection (promoção de lançamento)
-Desconto nos combustíveis Shell
-Acesso a seguros especialmente desenvolvidos pela Vitorinos seguros a preços imbatíveis
-Descontos em oficinas, lojas e serviços auto
-Acesso exclusivo a eventos especialmente organizados para membros
Saiba mais AQUI
últimas F1
últimas Autosport
f1
últimas Automais
f1