F1: RoKiT deve dinheiro à Williams

Por a 30 Maio 2020 17:25

Em 2018, a Williams, na busca por patrocinios, deu uma excelente hospitalidade no Grande Prémio dos Estados Unidos à Rich Energy. Mas, mais tarde, seria informada que a marca de bebidas energéticas iria patrocinar a Haas.

Hoje, esse negócio pode ter sido extremamente benéfico para a equipa de Grove. Para 2019, depois de perder o patrocínio da Martini, nos testes de pré-temporada, a Williams anunciou um acordo com a RoKiT, empresa de telelcomunicações. Cinco meses volvidos, e a parceria era prolongada até 2023.

Entretanto, chegou 2020. A Williams perdeu Robert Kubica e a PKN Orlen, que decidiram ir com o piloto polaco para a Alfa Romeo. Apesar disso, chegou Michael Latifi, pai do piloto Nicholas Latifi. Latifi tem 10% da McLaren, mas, em abril deste ano, ajudou a Williams com 50 milhões de libras, devido à crise económica causada pela pandemia coronavírus (COVID-19).

Ontem, as coisas pioraram e foi anunciado pela direcão da Williams Grand Prix Holding algumas hipóteses: a de tentar angariar investimento ou até a potencial venda de toda a companhia – (CLIQUE AQUI PARA SABER MAIS).

Para além disso, a Williams anunciou que tinha terminado a parceria com a RoKiT, com Claire Williams a afirmar que “todas as obrigações contratuais com a RoKiT foram cumpridas”.

Numa altura em que as receitas do grupo Williams diminuíram para 160,2 milhões de libras em 2019, comparado com os 176,5 milhões de libras em 2018, as receitas da equipa da Fórmula 1 diminuíram para 95,4 milhões de libras em 2019, analisando o futuro da Williams, o f1.com afirmou que: “os números mostram que a empresa de telecomunicações deve à Williams um montante significativo, cerca de 10 milhões de libras – para o período até ao final de 2019”. No f1.com, também se acrescentou que “é provável que quando os resultados de 2020 forem revelados, exista um montante adicional por liquidar”.

4
Deixe um comentário

Please Login to comment
  Subscribe  
Notify of
sr-dr-hhister
Membro
sr-dr-hhister

O drama, o horror, a tragédia…

Pity
Membro
Pity

Não se esqueça de pagar os direitos de autor ao Albarran 🙂

Frenando_Afondo™
Membro
Frenando_Afondo™

Pois… Quem viu a declaração da separação entre as duas ficou logo a pensar que foi a Rokit que se tinha metido ao fresco devido à pandemia. Afinal a relação acabou porque a Rokit é mais uma caloteira há procura de publicidade grátis, estilo Rich Energy. Entram nestes negócios só para aparecer e depois começam a baldar-se aos pagamentos…

FirstRow
Membro
FirstRow

Deve dinheiro e não é pouco. Na minha opinião, patrocinadores que incumprissem desta forma deviam ser banidos da F1 e do desporto automóvel em geral sob tutela FIA durante X Anos. A F1 ninguém o duvide é um excelente meio de promoção e divulgação e a affecion por equipa A ou Z é capaz de milagres no que toca em promover um patrocinador. Neste caso da Rookit nem foi a pandemia a culpada desta novela.

últimas F1
últimas Autosport
Lost your password? Please enter your username or email address. You will receive a link to create a new password via email.