/formula1/f1/f1-nikita-mazepin-boas-relacoes-com-todos/?utm_source=rss&utm_medium=rss&utm_campaign=f1-nikita-mazepin-boas-relacoes-com-todos&utm_source=rss&utm_medium=rss&utm_campaign=f1-nikita-mazepin-boas-relacoes-com-todos
F1, Nikita Mazepin: “Boas relações com todos” | AutoSport

F1, Nikita Mazepin: “Boas relações com todos”

Por a 11 Junho 2021 09:32

Nikita Mazepin tem estado debaixo dos holofotes (quase) desde o anuncio da sua entrada na Haas. Ou porque é filho de um oligarca russo que paga para ele pilotar ou porque quebra um acordo de cavalheiros nas qualificações, entre outros, para nem falar no escândalo do vídeo das suas redes sociais, em que foi acusado de assédio, que originou o movimento #WeSayNotoMazepin.

Desta vez, o piloto da Haas, em entrevista a um orgão de comunicação social do seu país, respondeu a algumas críticas de Lewis Hamilton. O piloto da Mercedes afirmou que a F1 estava a ficar um clube de crianças bilionárias, com Mazepin, Lance Stroll e Nicholas Latifi como alvos.

Para Mazepin, “todos os novos pilotos da Fórmula 1 receberam apoio de patrocinadores. Alguns são fabricantes de bebidas energéticas, um é o homem mais rico do México – todas estas são pessoas que estão hoje na grelha e sobre as quais todos poderíamos falar também”.

O jovem piloto da Haas, afirmou que nunca teve problemas nem com Hamilton, nem com outro qualquer piloto atual da F1, chegando até a dizer que, no paddock todos são corteses.

“Tivemos sempre uma relação muito correta. Não temos comunicado muito, mas no paddock todos são muito educados por isso, não sinta nada de negativo. Devido à COVID, as equipas de F1 estão em bolhas, por isso tenho visto e falado com muito poucas pessoas. Dos pilotos que tenho visto, tenho boas relações com todos. Destaco especialmente a geração mais velha, como Alonso e Vettel. São homens muito simpáticos.”

Subscribe
Notify of
4 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Pity
Pity
7 dias atrás

Pelo que se tem ouvido no rádio, não me parece que seja bem assim, parece que já arranjou alguns “inimigos”. Quanto a serem todos muito educados… fora da pista, acredito que sim.

91730
91730
7 dias atrás

Este Mazepin não tem noção do ridiculo! “Falar também”??? Comparar-se ao Checo só pode ser para rir! Checo chegou à F1 como vice-campeão de GP2, apenas atrás de um Maldonado no seu 4º ano de GP2. Mazepin chega à F1 como 5º classificado na F2 batido por dois rookies… Como se isso não bastasse, além dos muitos erros, tem levado caléndários do MS. Enfim, quem torto nasce…

Last edited 7 dias atrás by 91730
Augustin
Augustin
6 dias atrás

O cara não tem escrúpulo. Acredito que ele se ache dentro de um cockpit de um caça. Não respeita ninguém nem regras. Pai dele tem muito dinheiro pra jogar fora, e ele nem isso procura valorizar. Tomara que chegue ao fim da temporada aprendendo alguma coisa, sem machucar ninguém.

Frenando_Afondo™
Frenando_Afondo™
6 dias atrás

Ele não percebeu (ou fingiu que não percebeu) é que a diferença é que os pilotos que falou e vários outros chegaram à F1 porque ganharam a confiança dos patrocinadores ao terem demonstrado talento e resultados. Seja através das bebidas energéticas ou do homem mais rico do México, é essa a diferença.

Não como Piquets, Strolls, Latifis e Mazepins que têm sempre o patrocínio garantido do pai independentemente dos resultados, alguns até criam ou compram equipas para os filhos poderem correr (Como Piquet fez com o filho ou Stroll com a Aston Martin).

Last edited 6 dias atrás by Frenando_Afondo™
últimas F1
últimas Autosport
f1
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x