F1, Kevin Magnussen: “Estive um ano fora. Não foi difícil habituar-me no regresso”

Por a 23 Maio 2020 12:14

O piloto da Haas na Fórmula 1, Kevin Magnussen, duvida que os pilotos tenham muitas dificuldade em voltar às corridas, após uma pausa prolongada, devido à pandemia de coronavírus.

Com a Fórmula 1 a tentar criar as melhores condições para se correr o Grande Prémio da Áustria em julho, os pilotos estarão há cerca de oito meses sem correr, ou seja, desde o Grande Prémio de Abu Dhabi, em 2019.

Apesar de terem tido seis dias de testes em Barcelona, isso não se equipara a uma corrida. Para Magnussen, esta pausa grande não revela grandes problemas no regresso, uma vez que o dinamarquês já passou por esta situação em 2015, entre correr pela McLaren em 2014 e a Renault em 2016.

À Sky Sports F1, Magnussen disse: “Será emocionante regressar. Estamos há algum tempo sem correr, mas não se esquece. Em 2015, estive uma temporada fora de um carro de corridas. Fiz dois dias de testes, um no DTM e outro num LMP1, mas nada de Fórmula 1. Por isso, em 2016, quando voltei, não foram preciso muitas voltas para me habituar”.

“Temos de fazer tudo ao nosso alcance para garantir a segurança de todos. Não é o ideal, mas é melhor do que não correr. Veremos quais serão as medidas, mas já ouvi que vai ser muito diferente. Mesmo assim, estou ansioso por voltar”.

Deixe um comentário

Please Login to comment
  Subscribe  
Notify of
últimas F1
últimas Autosport
Lost your password? Please enter your username or email address. You will receive a link to create a new password via email.