Argo AI – seguem 940 milhões de investimento Ford

Por a 13 Fevereiro 2017 15:22

A pensar no futuro a Ford vai fazer um investimento na casa dos 940 milhões de euros na Argo AI nos próximos cinco anos. A marca da oval azul irá combinar a sua experiência de desenvolvimento de veículos autónomos com a empresa de inteligência artificial sedeada em Pittsburgh, que tem experiência de robótica e velocidade e na criação de software de inteligência artificial.

A Ford pretende desenvolver e aprofundar assim o seu programa de veículos autónomos e em 2021 ter um veículo totalmente autónomo para aplicação comercial em serviços de mobilidade, compatível com a norma 4 SAE. O papel da Argo AI será o de desenvolver um sistema de condução virtual para veículos autónomos do construtor a surgir em 2021, podendo ainda ser alvo de licenciamento para outras empresas.

A equipa de especialistas em robótica e inteligência artificial é liderada por Bryan Salesky, como CEO, e por Peter Rander, como COO, fundadores da Argo AI. São ambos ex-alunos do Carnegie Mellon National Robotics Engineering Center e anteriores responsáveis das equipas de veículos de condução autónoma da Google e da Uber, respectivamente.

Segundo o Presidente e CEO da Ford, Mark Fields, o futuro passa por aqui: “A próxima década será definida pela automatização do automóvel e os veículos autónomos terão um significativo impacto na sociedade, tal como a linha de montagem móvel da Ford teve há 100 anos,” disse, acrescentando: “À medida que a Ford se expande para se tornar numa empresa automóvel e de mobilidade, acreditamos que investir na Argo AI irá criar um valor significativo junto dos nossos accionistas, reforçando a liderança da Ford no processo de introduzir no mercado, a curto prazo, veículos com condução autónoma, criando uma tecnologia que poderá ser licenciada a terceiros no futuro.”

 

 

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

últimas AUTO+
últimas Autosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/motosport.png