WTCC, Tiago Monteiro: “É importante marcar-se pontos sempre que se pode”

Por a 17 Julho 2017 09:02

Apesar de não ter ganho qualquer das corridas em Termas de Rio Hondo, Tiago Monteiro sai da Argentina bastante contente, sobretudo pelos pontos que ganhou face aos adversários mais diretos no campeonato. Isto para além do êxito da equipa na corrida principal

“É fantástico para a equipa ter uma dobradinha. Todos fizemos um bom trabalho e como recuperamos a liderança no campeonato”, considerou Tiago. O piloto português reconhece que o começo da corrida de abertura foi difícil:“Fui empurrado por trás, bloqueei as rodas para evitar alguns carros azuis e depois acabei por bater no meu companheiro de equipa, o que me safou. Depois disso a direção ficou danificada e apenas precisei de sobreviver”.

A segunda corrida mais positiva Tiago Monteiro, apesar de não ter sido fácil. “Nós os três fizemos partidas semelhantes, por isso foi complicado ganhar qualquer vantagem. Pressionamos bastante Nicky e precisávamos de estar perto no caso de surgir qualquer oportunidade”, explicou o piloto do Porto, para quem a vantagem na frente do campeonato de pilotos não é de modo a ficar descansado.

“Ter 12 pontos não é muita coisa, mas é melhor estar na frente do que não estar. Ainda faltam quatro fins de semana de provas, e tive um horrível na Alemanha, enquanto Nicky teve um mau aqui. Precisamos de tirar vantagem de qualquer oportunidade que surja. Sete pilotos ainda podem ganhar o campeonato. É muito importante marcar qualquer ponto que se possa”, refer ainda Tiago Monteiro.

Visualizou de 4 artigos abertos

O AutoSport limitou a 4, o número de artigos
que poderá ler sem fazer login
Para continuar a ler livremente
os artigos AutoSport,
por favor faça login aqui
Caso não esteja ainda registado,
faça agora aqui o seu
registo gratuito
  • Não é possível alterar o nome de utilizador.

    Deixe um comentário

    Seja o primeiro a comentar!

      Subscribe  
    Notify of
    últimas VELOCIDADE
    últimas Autosport
    AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/motosport.png