/velocidade/formula3/gp-hungria-f3-dennis-hauger-vence-corrida-3-e-reforca-lideranca/?utm_source=rss&utm_medium=rss&utm_campaign=gp-hungria-f3-dennis-hauger-vence-corrida-3-e-reforca-lideranca&utm_source=rss&utm_medium=rss&utm_campaign=gp-hungria-f3-dennis-hauger-vence-corrida-3-e-reforca-lideranca
GP Hungria F3: Dennis Hauger vence corrida 3 e reforça liderança | AutoSport

GP Hungria F3: Dennis Hauger vence corrida 3 e reforça liderança

Por a 1 Agosto 2021 10:48

Foi uma corrida muito dura para os jovens pilotos da F3, mas Dennis Hauger venceu pela terceira vez este ano e tem agora uma mão no título.

A chuva estava prometida e apareceu no início deste dia, com a pista de Hungaroring completamente encharcada, obrigando a um arranque sob Safety Car, com Arthur Leclerc na pole, seguido do líder do campeonato Hauger, Jack Doohan, David Schumacher e Clement Novalak no top 5.

Duas voltas depois, o Safety Car saiu da pista e Leclerc passou a liderar, com os pilotos a enfrentarem condições muito complicadas em pista. Leclerc manteve-se na frente enquanto Doohan e Schumacher lutavam entre si, com Doohan a manter-se na frente do colega de equipa. Mas ainda na primeira volta de corrida a sério, Victor Martins foi contra as proteções da pista o que levou à entrada do Safety Car mais uma vez, apesar de Martins ter conseguido regressar às boxes.

No recomeço as mudanças no topo da classificação foram inexistentes, com os pilotos a serem muito cuidadosos com a visibilidade reduzida provocada pelo spray dos carros. Olli Caldwell que estava em oitavo, falhou completamente a travagem na curva 1 e ia provocando um grande acidente, escapando com apenas um ligeiro toque  e um lugar perdido. 

Na frente, a luta entre Leclerc e Hauger era espetacular com o monegasco a defender-se como podia da pressão constante do seu colega de equipa com Doohan por perto para aproveitar as sobras. Na volta nove, Hauger passou por fora Leclerc na curva 3, uma manobra já clássica neste traçado e assumiu a liderança da prova conseguindo uma vantagem muito interessante  logo na primeira volta sem ninguém à sua frente. 

A pista começava a secar rapidamente pelo que a gestão dos pneus de chuva passava a ser o foco da maioria dos pilotos, no que seria meia corrida muito complicada para os jovens pilotos. Os pneus de Hauger começavam a acusar o esforço e Leclerc começava a pressionar o líder, tentando regressar ao lugar que já tinha sido dele. Atrás, a luta pelo último ponto aqueceu com Enzo Fittipaldi a passar Logan Sargeant. 

Na volta 15, Matteo Nannini trocou para pneus slicks para tentar uma aposta diferente, mas a paragem foi tão demorada que dificilmente conseguiria ter algum lucro e pouco depois Caldwell conseguiu finalmente passar Iwasa pelo oitavo posto. O japonês começou a perder posições e caiu para fora dos pontos, ficando atrás de Fittipaldi (recuperando oito posições), Sargeant e Colombo. 

Na volta 18, um incidente entre Ido Cohen e Laszlo Toth, com um dos monolugares a ficar por cima do outro, trazendo o Safety Car para a pista, quando faltavam duas voltas para o fim. O incidente foi assustador e mais uma vez o HALO poderá ter evitado males maiores. 

Com o fim da corrida tão próximo, a corrida terminou como começou, sob Safety Car, com Dennis Hauger a conquistar a sua terceira vitória desta época, cimentando ainda mais a sua liderança no campeonato.

Subscribe
Notify of
1 Comentário
Inline Feedbacks
View all comments
Pity
Pity
1 mês atrás

Atenção a este Hauger. Faz sempre grandes corridas, largue da posição que largar.
Sim, ele está na Prema, o que é meio caminho andado para o sucesso, mas a distância pontual para os colegas de equipa, é abissal.

últimas Formula 3
últimas Autosport
formula3