Fórmula E: ‘Full course yellow’ trama Félix da Costa

Por a 13 Janeiro 2018 19:34

Não foi um dia fácil para António Félix da Costa, hoje em Marraquexe, palco da 3ª ronda da FIA Formula E, depois de uma situação de bandeiras amarelas ter obrigado o Português a perder muito tempo, caindo várias posições no momento de paragem na box para mudança de carro, o que acabou por impedir o piloto da BMW de terminar nos lugares pontuáveis.

Depois de uma sessão de qualificação nada feliz, onde um toque na sua volta rápida, obrigou AFC a ter de largar apenas do 19º lugar da grelha de partida, Félix da Costa entrou ao ataque e de imediato iniciou uma excelente recuperação até ao 10º lugar, posição que ocupava aquando da paragem na box para mudança de carro. A operação de box correu bem ao piloto luso, que no entanto viria a ser um dos azarados do dia, visto que justamente após o seu regresso à pista, surgiu uma situação de bandeiras amarelas, que obriga os pilotos a reduzirem o ritmo, quando a maioria dos seus adversários tinha ficado mais uma volta em pista, logo ganho clara vantagem face ao piloto português. Neste cenário AFC caiu para o 15º lugar, mas perdeu mais de 30 segundos, ficando com a corrida estragada e totalmente fora da luta pelos lugares pontuáveis, acabando por terminar num inglório 14º lugar final: “Se na qualificação o meu erro na volta rápida comprometeu a posição de partida, na corrida penso que fiz tudo o que estava ao meu alcance, ataquei desde o inicio, recuperei nove lugares, mas com o tempo perdido devido às bandeiras amarelas, fiquei com a corrida estragada e limitei-me a levar o carro até ao final. Foi um dia difícil, que poderia até ter acabado bem, mas o factor sorte hoje não me acompanhou.”

A corrida acabou por ser ganha pelo Sueco Felix Rosenqvist, seguido de Sebastien Buemi, com Sam Bird a fechar os lugares do pódio. Apesar de não ter pontuado AFC continua a ser o melhor colocado da sua equipa MS&AD Andretti Formula E Team, ocupando o 10º lugar do campeonato com 8 pontos, todos eles conquistados na primeira jornada de Hong Kong.

A Fórmula E segue agora para a América do Sul, mais precisamente para Santiago do Chile, palco da próxima jornada, no fim de semana de 3 de fevereiro. Até lá António Félix da Costa não terá descanso, com as miticas 24 Horas de Daytona, marcadas para o último fim de semana de janeiro, corrida onde AFC fará a sua estreia absoluta ao volante de um Oreca LMP2 da equipa de do famoso actor Jackie Chan

Fim de semana de Marrocos marcado por muito azar com uma situação de bandeiras amarelas a travar boa recuperação de António Félix da Costa

Visualizou de 4 artigos abertos

O AutoSport limitou a 4, o número de artigos
que poderá ler sem fazer login
Para continuar a ler livremente
os artigos AutoSport,
por favor faça login aqui
Caso não esteja ainda registado,
faça agora aqui o seu
registo gratuito
  • Não é possível alterar o nome de utilizador.

    3
    Deixe um comentário

    Please Login to comment
    1 Comment threads
    2 Thread replies
    1 Followers
     
    Most reacted comment
    Hottest comment thread
    2 Comment authors
    joaoPedro Coelho Recent comment authors
      Subscribe  
    Notify of
    mindgamesracing
    Membro
    mindgamesracing

    Desta vez é que vai ser: para o ano que vem é para ganhar!

    jcmr
    Membro
    jcmr

    não sei se está a mandar uma boca ou a mostrar confiança, sobretudo constatando q está a dar o máximo para superar a evidente falta de motor (motor/caixa) que dispõe.
    Dever-se-ia louvar a corrida que encetou e que por manifesta falta de sorte não o levou, mesmo a um 7º ou 8º lugar.

    jcmr
    Membro
    jcmr

    se a confiança for bem fundada, o resultado virá sempre ao de cima.

    últimas VELOCIDADE
    últimas Autosport
    AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/motosport.png